O VASCO CONFIRMOU O FAVORITISMO e reassumiu a vice-liderança da Série B do Campeonato Brasileiro com sua primeira goleada por 4 x 0 no CRB, na noite desta 5ª feira (28), diante de 18.783 pagantes, em São Januário. O meia Andrey se destacou c com dois gols, na terceira vitória em três jogos do técnico Emílio Faro.

FOI A 10ª VITÓRIA DO GIGANTE DA COLINA, 7ª com o mando de campo, 6ª sem sofrer gol, alargando o caminho para a volta à Série A em 2023. O Vasco tem 38 pontos, menos 7 que o líder Cruzeiro, que visita sábado (30), o Brusque; 2º ataque mais positivo com 23 gols, e 3ª defesa menos vazada com 12.

ANDREY ABRIU O PLACAR logo aos 3 minutos, completando de cabeça o escanteio de Nenê, e depois da boa jogada de Yuri, que cumpriu uma de suas melhores atuações, Raniel marcou de canhota seu 7º gol, isolando-se na 4ª posição dos artilheiros. O Vasco fez por merecer a vantagem confortável de 2 x 0 no 1º tempo.

NA VOLTA DO INTERVALO, com chute cruzado, Andrey fez 3 x 0 aos 6 minutos, e aos 46, Eguinaldo, emprestado pelo Artsul, de Nova Iguaçu, fechou a goleada com seu primeiro gol como profissional em três jogos. Maranhense da zona rural de Monção, a 245 km da capital São Luis, Eguinaldo jogava na várzea, em troca de chuteira, e chegou a pensar em desistir do futebol em fevereiro, quando lhe morreu o pai.

ANDREY Nascimento dos Santos, carioca de 18 anos, é uma das mais seguras promessas do futebol brasileiro, com potencial para a seleção na Copa de 2026, quando terá completado 22 anos. Preciso nos passes e seguro nos desarmes, sem falta, tem contrato até 2023 e já está no radar dos grandes clubes europeus.

THIAGO RODRIGUES, Leo Matos, Juan Quintero, Anderson e Edimar (Luis Henrique); Yuri, Andrey e Nenê (Palacios); Figueiredo (Marlon), Raniel (Eguinaldo) e Gabriel Pec (MT), o Vasco vice-líder da goleada de 4 x 0 no CRB, em mais uma noite primorosa de esplendor e festa em São Januário. R$484.920,00. 18.783 pagantes.

VASCO 4 x 0 CRB, com atuação correta do árbitro norte-riograndense Caio Augusto Vieira, que anulou bem o gol de Anselmo Ramon, por impedimento de Luciano, que lhe deu a assistência. O meia chileno Palacios, que substituiu Nenê, foi o único advertido do Vasco com cartão amarelo, também aplicado em Yago, Gilvan, Reginaldo e no técnico Daniel Paulista, do CRB.

O VASCO TERMINARÁ JULHO, domingo (31), no jogo com a Chapecoense, 14º com 23 pontos, que abriu a rodada 3ª feira (26), no 0 x 0 com o Grêmio, 3º com 37 pontos. No jogo do turno, na Arena Condá, em Chapecó, Chapecoense e Vasco ficaram no 0 x 0, embora as melhores chances tenham sido do Vasco.

O VASCO SÓ FARÁ DOIS DE SEUS CINCO JOGOS EM AGOSTO, mês de seus 124 anos, fundado em 21/8/1898, em São Januário, dia 13 com o Tombense e dia 31 com o Guarani, adversários com quem empatou no turno. Os outros jogos de agosto do Vasco serão como visitante, nos dias 9 com a Ponte Preta; 18 com o CSA e 28 com o Bahia.

SPORT VENCE GUARANI

NO OUTRO JOGO DA NOITE, o Sport Club Recife venceu o Guarani por 2 x 1 e subiu ao 5º lugar, com 30 pontos, após a 7ª vitória. O Guarani permanece em 18º, com 19 pontos, após a 8ª derrota. Os gols do Sport foram do meia Denner, emprestado pelo Athletico Paranaense, e do volante Ronaldo, de pênalti. No minuto final, o atacante Nicolas Careca, emprestado pelo CRB, fez o gol do Guarani.

Fotos: Daniel Ramalho e Matheus Lima / Vasco