Com todos os méritos, como único mandante com 100% de aproveitamento – 8 jogos, 8 vitórias, 25 gols marcados e 8 sofridos -, o Flamengo iniciou setembro levando 65.969 torcedores ao delírio, no Maracanã. Foi a décima primeira vitória, em dezessete jogos, impondo-se com 3 x 0, do início ao fim, ao atual campeão Palmeiras. R$3.368.134,00. 61.390 pagantes, em mais uma tarde esplendorosa de festa do time líder do Brasileirão.

FLAMENGO SOBROU – O domínio do Flamengo foi total em um jogo que soube manter o Palmeiras sempre à distância com marcação precisa, exercida no campo do adversário. O Flamengo já saiu para o intervalo com 2 x 0, com o artilheiro Gabriel encobrindo o goleiro aos 10, e Arrascaeta concluindo de cabeça aos 38 o cruzamento de Bruno Henrique.

PÊNALTI CLARO – O terceiro gol, segundo de Gabriel, foi aos 14 do segundo tempo, ao converter o pênalti claro de Diogo Barbosa em Rafinha. Na cobrança rasteira, no canto direito, o goleiro escolheu o lado errado. Gabriel consolidou a posição de artilheiro do  Brasileirão 2019 com 14 gols.

BEM ANULADOS – O gol de peito de Mateus Fernandes, do Palmeiras, aos três minutos, foi bem anulado porque Willian estava impedido ao fazer o cruzamento. O gol de cabeça de Vítor Hugo, do Palmeiras, aos 46 do primeiro tempo, foi bem anulado porque estava impedido antes do cruzamento de Willian. A decisão da arbitragem, com auxílio do VAR, foi correta.

BEM EXPULSO – O árbitro Rafael Traci, da Federação Catarinense e aspirante à FIFA, expulsou bem o zagueiro paraguaio Gustavo Gomez, do Palmeiras, pelo pontapé que atingiu as costelas de Bruno Henrique, aos 37 do segundo tempo. Bom ressaltar: Gustavo Gomez saiu calmo e aceitou com elegância o abraço do técnico do Flamengo. 

Quatro advertidos com cartão amarelo: no primeiro tempo, Willian, por falta dura em Everton Ribeiro aos 7. No segundo tempoRodrigo Caio, por demorar a repor a bola em jogo, aos 8. Bruno Henrique, do Palmeiras, por falta em Everton, aos 11, e Bruno Henrique, do Flamengo, por reclamação, aos 33. 

OS LÍDERES – Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio (Thuler, 17 do segundo tempo), Pablo Marí e Filipe Luis; Willian Arão, Arrascaeta (Piris da Mota, 25 do segundo tempo), Gerson e Everton Ribeiro (cap); Bruno Henrique (Berrío, 41 do segundo tempo) e Gabriel. Técnico – Jorge Jesus. Os dois jogos finais do Flamengo no turno serão sábado (7) com o Avaí, em Brasília, e dia 15 com o Santos, no Maracanã.

PALMEIRAS – Weverton, Marcos Rocha, Vitor Hugo, Gustavo Gomez e Diogo Barbosa; Felipe Melo (cap), Bruno Henrique (Jean, 36 do segundo tempo) e Mateus Fernandes (Raphael Veiga, intervalo); Willian (Scarpa, 17 do segundo tempo), Dudu e Luis Adriano. Técnico – Luiz Felipe Scolari. O Palmeiras tem mais três jogos: sábado (7) com o Goiás, em Goiânia; dia 10, jogo atrasado com o Fluminense, em São Paulo, e dia 15 com o Cruzeiro, em São Paulo.

SETE SEM VENCER – O Palmeiras completou sete jogos sem vencer: 1 x 1 São Paulo, 0 x 2 Ceará, 1 x 1 Vasco, 1 x 1 Corinthians, 2 x 2 Bahia, 1 x 1 Grêmio e a derrota deste domingo (1) para o Flamengo (3 x 0). Depois da pausa para a Copa América, o Palmeiras ainda não venceu. Com a eliminação da Copa do Brasil, da Libertadores e o acúmulo de sete jogos sem vitória, a tensão deve aumentar e com muita pressão para a demissão do técnico.

LIDERANÇA – Flamengo e Santos concluíram a rodada 17 iguais em vitórias (11), empates e derrotas (3), mas o Flamengo lidera porque tem ampla vantagem no saldo de gols (20 a 12). O Flamengo marcou 38 e sofreu 18, e o Santos fez 29 e sofreu 17. Os times estão iguais na maior goleada (6 x 1), que impuseram ao Goiás como mandantes.

INVICTOS – Flamengo e Santos ainda não perderam em casa no Brasileirão 2019. No Maracanã, o Flamengo venceu todos os oito jogos. O Santos não tem 100% de aproveitamento na Vila Belmiro porque em oito jogos venceu seis e empatou dois. Fora de casa, o Flamengo venceu 3, perdeu 3 e empatou 3. O Santos ganhou 5, perdeu 3 e empatou 1.

A MÉDIA – Jogando no Maracanã, o Flamengo não marcou menos de dois gols nos oito jogos. Em cinco jogos, fez 3 gols; em dois jogos, marcou 2 gols e em um jogo, 6 x 1 no Goiás. Nos 3 x 0 deste primeiro domingo de setembro sobre o Palmeiras, o Flamengo completou cinco jogos sem sofrer gol nos dezessete jogos do Brasileirão 2019. O Flamengo só não fez gol no 0 x 0 com o Fluminense, no Maracanã, e na derrota (3 x 0) para o Bahia.

– Flamengo e Santos ainda não perderam em casa no Brasileirão 2019. No Maracanã, o Flamengo venceu todos os oito jogos. O Santos não tem 100% de aproveitamento na Vila Belmiro porque em oito jogos venceu seis e empatou dois. Fora de casa, o Flamengo venceu 3, perdeu 3 e empatou 3. O Santos ganhou 5, perdeu 3 e empatou 1.

Foto: Buda Mendes / Getty