Escolha uma Página

O FLAMENGO ENTROU NO GRUPO SELETO dos cinco brasileiros três vezes campeões da Libertadores, ao vencer o Athletico Paranaense por 1 x 0, na tarde deste último sábado (29) de outubro, diante de 37 mil torcedores, no estádio Isidro Romero Carbo, de Guaiaquil, segunda maior cidade do Equador.

O GOL FOI DE GABRIEL, de pé esquerdo, completando na pequena área o cruzamento rasteiro do meia Everton Ribeiro, capitão do time, aos 49 minutos do 1º tempo, seis minutos após a expulsão do zagueiro Pedro Henrique, do Athletico, pelo segundo cartão amarelo, por falta dura no lateral Ayrton Lucas.

O FLAMENGO CONCLUIU INVICTO a terceira campanha vitoriosa da Libertadores, com 11 vitórias e 1 empate. Gabriel igualou-se a Zico, que marcou 4 gols, nos três jogos da decisão de 1981, com o Cobreloa, do Chile. Gabriel fez os 2 da virada de 2019 no River; o da derrota na final de 2021 para o Palmeiras, e o de hoje (29).

O SANTOS FC foi o primeiro a ganhar a Libertadores duas vezes consecutivas, em 62-63, quando também foi bicampeão mundial, vencendo Benfica e Milan, e o 3º título em 2011. O São Paulo foi o segundo, em 92-93, também bicampeão mundial ao derrotar o Barcelona e o Milan, e o 3º título em 2005.

O PALMEIRAS foi o 3º a ganhar a Libertadores duas vezes consecutivas, em 2020-21, depois de 1999. O Grêmio ganhou a Libertadores em 1983, 1995 e 2017, e o Mundial em 83, e o Flamengo em 1981, 2019 e 2022, e o Mundial em 81. O Palmeiras perdeu a decisão de dois mundiais de clubes, e o Flamengo, uma.

OS CAMPEÕES DE 2022: Santos, Rodinei, David Luiz, Leo Pereira e Filipe Luis (Ayrton Lucas); Tiago Maia (Arturo Vidal), João Gomes, Everton Ribeiro (c) e Arrascaeta (Victor Hugo); Gabriel (Cebolinha) e Pedro, que se emocionou ao revelar: “Ganhar a Libertadores era um sonho de garoto”.

O FLAMENGO IGUALOU o recorde do Palmeiras de nove vitórias consecutivas na Libertadores, sequência que o time paulista conseguiu precisamente na final de 2021, no estádio Centenário, em Montevidéu, ao vencê-lo por 1 x 0 na prorrogação. 

O FLAMENGO receberá 16 milhões de dólares, convertidos em R$85 milhões pela Libertadores de 2022, enquanto o Athletico vai receber 6 milhões de dólares, o equivalente a R$32 milhões.

O CARIOCA PEDRO, de 25 anos, 1,85m, revelado no Fluminense e comprado da Fiorentina em dezembro de 2020 por 14 milhões de euros (R$87 milhões), foi o terceiro do Flamengo a ganhar o anel esculpido em ouro amarelo, com 125 diamantes, mais seis que o da Libertadores de 2021, avaliado em R$200 mil.

O PRIMEIRO A GANHAR o anel foi Bruno Henrique, na segunda Libertadores que o Flamengo conquistou em 2019. Gabriel ganhou em 2021, mesmo perdendo a decisão com o Palmeiras, tal como aconteceu com Marinho, hoje no Flamengo, ao perder a primeira final brasileira com o Santos para o Palmeiras em 2020.

O ANEL QUE PEDRO ganhou teve outros quatro concorrentes: Vitor Roque e David Terans, do Athletico, e Arrascaeta e Everton Ribeiro. Ao receber a taça como capitão da terceira Libertadores, o meia Everton Ribeiro chamou o goleiro Diego Alves e o meia Diego Ribas para erguer. Depois, todos fizeram foto com a taça.

DEPOIS DE 16 ANOS, quando Abel Braga venceu Muricy Ramalho na final de 2006, dois técnicos brasileiros voltaram a decidir a Libertadores. O paulista Dorival Junior, sem os óculos após o jogo, e o gaúcho Luiz Felipe Scolari, trocaram abraço afetuoso. O Flamengo espera poder manter o técnico em 2023.

MESMO COM 10 desde os 43 minutos do 1º tempo, o Athletico foi aplicado e corajoso até o fim dos acréscimos de cinco minutos: Bento, Khellven, Thiago Heleno (c), Pedro Henrique e Abner; Hugo Moura (Terans), Fernandinho e Alex Santana (Mateus Felipe); Vitor Bueno (Canobbio), Vitinho (Rômulo) e Vitor Roque (Pablo).

ATUAÇÃO CORRETA do árbitro argentino Patricio Loustau, de 47 anos, há 11 na FIFA, publicitário em Buenos Aires. O 1º dos 6 cartões amarelos que aplicou foi aos 28 minutos no zagueiro Pedro Henrique, por falta dura em Gabriel. Na reincidência, aos 43 minutos, por falta em Ayrton Lucas, Pedro Henrique foi expulso.

Fotos: Facebook Flamengo, UOL, Lance!, Notícias ao Minuto, REUTERS/Luisa Gonzalez, Um dois Esportes, Alexandre Vidal/Flamengo, Photo by Hector Vivas/Getty Images