AL RIHLA, QUE EM ÁRABE SIGNIFICA A JORNADA, é o nome da bola da Copa do Mundo de 2022, primeira no Oriente Médio e no final do ano, entre 21 de novembro e 18 de dezembro. Muito mais rápida, é também a primeira bola de uma Copa do Mundo fabricada exclusivamente com tintas e colas à base de água.

 A ÚLTIMA DAS SEIS COPAS COM 32 SELEÇÕES, desde 1998, terá uma bola com fundo branco pérola e faixas de cor dominadas pelo azul, roxo, vermelho e amarelo. A bola é inspirada na cultura, arquitetura, nos barcos tradicionais e nas cores da bandeira do Catar, país dos arranha-céus futuristas. 

A COR BRANCA É UM SÍMBOLO DA PAZ reconhecido mundialmente. A cor púrpura representa o derramamento de sangue dos muçulmanos durante as muitas guerras pelas quais o Catar passou, principalmente na segunda metade do século 19. A linha cerrada de nove pontos indica que o Catar é o 9º membro dos Emirados do Golfo.

Bola Telstar – Brasil Tricampeão 1970
Bola Questra – Brasil tetracampeão 1994
Bola Fevernova – Brasil pentacampeão 2002

DESDE 1970, SERÁ A 14ª COPA consecutiva com bola Adidas, que deu o nome de Telstar, em homenagem ao satélite que transmitia os jogos para a Europa. Primeira bola a ter nome. Em 1978, Tango, homenageando a mais famosa dança argentina. Em 1998, Tricolore, a primeira bola multicolorida, em azul, vermelho e branco,  homenagem à bandeira da França.

BOM LEMBRAR: a bola da primeira Copa no Brasil, em 1950, foi Superball, e a da segunda, em 2014, Brazuca. Nomes das bolas das Copas que o Brasil ganhou: 1958, Top Star; 1962, Crack Top Star; 1970, Telstar; 1994, Questra; 2002, Fevernova. Na 1ª Copa, em 1930, 1º tempo, bola do Uruguai (2 x 1); 2º tempo, bola da Argentina (3 x 0).