Desde que ganhou (2 x 1) do Cruzeiro, na abertura do returno, no Mineirão, em 21 de setembro, até os 4 x 1 sobre o Corinthians, o Flamengo realizou 13 jogos em 45 dias, e a partir do jogo de hoje (7) com o Botafogo, até 8 de dezembro, na rodada final com o Santos, na Vila Belmiro, serão nove jogos, incluído o da decisão com o River, dia 23.

A ORDEM – Depois do jogo da noite de hoje (7), no estádio Nilton Santos, com o Botafogo, o Flamengo jogará com Bahia (c), Grêmio (f), River (f), Vasco (c), Ceará (c), Palmeiras (f), Avaí (c) e Santos (f). O Flamengo precisa vencer o Botafogo para voltar a ter a vantagem de oito pontos sobre o Palmeiras, que conseguiu reduzir para cinco ao vencer (2 x 1) o Vasco.

DIFERENÇA – Muito diferente a situação no jogo desta quinta (7). O Flamengo lidera com 71 pontos, 38 a mais que o Botafogo (33). O Flamengo venceu 22 jogos, mais doze que o Botafogo, que ganhou 10. O Botafogo empatou (3) menos que o Flamengo (5), mas o Flamengo ganhou 22 jogos e o Botafogo venceu 10.

BOTAFOGO – Gatito, Fernando, Joel Carli, Gabriel e Yuri; Gustavo, João Paulo e Cicero; Luis Fernando, Igor Cassio e Valencia. Décimo quarto com 33 pontos, está só dois à frente do Fluminense, primeiro dos quatro últimos. Jogos restantes: Avaí (c), Athletico Paranaense (f), Corinthians (c), Chapecoense (f), Internacional (c), Atlético Mineiro (f) e Ceará (c).

FLAMENGO – Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luis; Willian Arão, Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel, voltando de suspensão. Três que precisam evitar o cartão amarelo: Rafinha, Arão e Gerson. Dos que ficarão na reserva, Diego. O jogo seguinte será com o Bahia, domingo (10), no Maracanã.

CINCO REAIS – O Botafogo reduziu a cinco reais o valor do ingresso, com o objetivo de lotar o estádio Nilton Santos, cuja capacidade é de 46 mil lugares. O sócio do Botafogo tem direito a levar dois acompanhantes, que também pagarão cinco reais, se estiverem com a camisa do clube. Os 10% da cota de ingressos do Flamengo foram esgotados.

SEGURANÇA – Haverá segurança reforçada no estádio, e o BOPE – Batalhão de Operações Policiais Especiais -, antecipa que será ainda maior nos setores destinados aos torcedores do Botafogo. O Batalhão recebeu informações de que torcedores do Flamengo estariam dispostos a invadir a área do Botafogo. O jogo é às 20 horas e o gaúcho Leandro Vuaden apita.

Foto: Goal.com