Escolha uma Página

NO AMISTOSO da noite de hoje (27) com a Jamaica, nos Estados Unidos, a Argentina não só ficará a dois jogos de igualar o recorde mundial da Itália, de 37 jogos sem derrota, entre 2018 e 2021, mas também igualará os 35 jogos sem derrota do Brasil, entre 1993 e 1996, e da Espanha, entre 2007 e 2009. 

OUTRA MARCA expressiva deve ser alcançada pelo capitão Messi, pronto para completar a 100ª vitória com a camisa da seleção, entrando para o grupo seleto dos  com 100 ou mais vitórias: Sergio Ramos, 131 em 180 jogos; Iker Casillas, 121 em 167 jogos; Cristiano Ronaldo, 112 em 189 jogos, e o mexicano Andrés Guardado, 101 em 177 jogos.

O AMISTOSO DE HOJE (27) com a Jamaica não será o último, antes da estreia na Copa, dia 22 de novembro, com a Arábia Saudita. Seis dias antes, a Argentina fará um amistoso, dia 16, com os Emirados Árabes, em Abu Dhabi, a capital. A proposta foi irrecusável, ainda que a AFA – Associação do Futebol Argentino – não revele valores.

EMILIANO MARTINEZ, Molina, Otamendi, Romero e Acuña; De Paul, Paredes e Lo Celso; Messi, Lautaro e Di Maria, a Argentina de hoje (27), no 4º jogo com a Jamaica: 5 x 0 na Copa de 98; 2 x 1, amistoso em 2010, e 1 x 0 na Copa América de 2015. O técnico que assumiu a Jamaica há 10 dias é o islandês Heimir Hallgrimsson, que na Copa de 2018 empatou com a Argentina (1 x 1), então dirigida por Jorge Sampaoli.

Imagem: Palpite Diário