Escolha uma Página

O ex-meia paulistano Edu Gaspar, de 42 anos, hoje coordenador técnico do Arsenal, mostrou-se muito feliz, não só com a estreia vitoriosa, mas com a exibição segura do time, nos 3 x 0 sobre o Fulham, no estádio Craven Cottage, no Oeste de Londres. Mesmo sem fazer gol, quem brilhou foi o meia Willian, paulista de 32 anos, que estreou no Arsenal participando dos gols de Lacazette, Gabriel Magalhães e Aubameyang. Depois de sete anos no Chelsea – 339 jogos, 63 gols -, Willian preferiu o Arsenal, para não sair de Londres, onde é dono de um restaurante muito frequentado.

FULHAM 0 x 3 ARSENAL é um dos clássicos do futebol da capital inglesa, envolvendo dois dos mais antigos clubes do Reino Unido. O Fulham, da região Oeste de Londres, tem 141 anos, fundado em agosto de 1879, e o Arsenal, da região Sul de Londres, tem 133 anos, fundado em outubro de 1886. São também, hoje, os times com os técnicos mais novos da Premier League: o espanhol Mikel Arteta, do Arsenal, tem 38 anos, e o inglês Scott Parker, do Fulham, 39.

GABRIEL MAGALHÃES, o jovem zagueiro brasileiro do Arsenal, foi descoberto pelo Avaí, de Florianópolis, na Copa São Paulo de juniores de 2016, em que o time catarinense chegou pela primeira vez às quartas de final. Paulistano de 22 anos, 1,80m, bom porte fisico, seguro na marcação e firme no desarme, tem habilidade para sair jogando. Foi da seleção brasileira sub-20, o Avaí o negociou por 3 milhões de euros com o LOSC, da França. O Arsenal pagou 25 milhões de libras, ou seja, 180 milhões de reais.

NESTE SEGUNDO domingo (13) de setembro, a promessa de outro grande jogo na rodada de abertura da Premier League: o londrino Tottenham, do meia paulista Lucas Moura, recebe o Everton, de Liverpool, do atacante capixaba Richarlison, ex-Fluminense. O Everton é dirigido pelo italiano Carlo Ancelotti, de 61 anos, de muito conceito em toda a Europa, e que se emocionou ao ouvir o que disse seu adversário de hoje (13), o técnico português José Mourinho:”A melhor contratação do Everton foi o Ancelotti”.

Fotos: Reuters, Arsenal