Cinco semanas depois de golear (4 x 1) o Cruzeiro, na manhã do domingo, 8 de setembro, o Grêmio voltou ao estádio Independência e repetiu o placar. Só que neste domingo, 13 de outubro, quem ajoelhou no milho foi o Atlético, que passou ao saldo negativo de gols, sob forte protesto dos torcedores, que pediram a saída do técnico Ricardo Santana.

UM PASSEIO – O Grêmio não teve dificuldade e já saiu para o intervalo com 3 x 1. Pepê fez 1 x 0 logo no primeiro minuto, com um belo gol de cavadinha. Rafael Galhardo ampliou aos 33, com um curioso gol de carrinho, em que falhou o goleiro. O terceiro, aos 43, foi de Maicon, convertendo pênalti de Luan em Cortez. 

Nos acréscimos, o argentinoFranco Di Santo fez o gol do Atlético, aos 49, cobrando pênalti de Rafael Galhardo, que puxou o meia Luan. Na volta do intervalo, o Grêmio ficou ainda mais à vontade com a expulsão do meia equatoriano Juan Cazares, aos 23, por falta dura em Luan. O quarto gol, aos 49, foi de Alisson, aumentando a revolta dos atleticanos.

ATLÉTICO – Wilson, Patric, Rever, Igor Rabelo e Hulk; Elias (Geuvânio, 11 do segundo tempo), Nathan, Luan e Marquinhos (Vinícius, 39 do segundo tempo); Juan Cazares e Franco Di Santo. Técnico – Ricardo Santana. Com 31 pontos – 9 vitórias, 4 empates, 12 derrotas -, o Atlético é décimo primeiro e entrou no saldo devedor de gols (30 a 35). O próximo jogo é quarta (16) com o CSA, em Maceió.

GRÊMIO – Paulo Victor, Rafael Galhardo (Paulo Miranda, intervalo), Geromel, David Braz e Bruno Cortez; Michel, Maicon (Luciano, 28 do segundo tempo) e Luan; Alisson, Pepê e André (Thaciano, 18 do segundo tempo). Técnico – Renato Portaluppi. Com 11 vitórias, 8 empates, 6 derrotas, o Grêmio é sexto, com 41 pontos, e o próximo jogo é quarta (16) com o Bahia, na Arena Grêmio.

O Grêmio igualou-se em pontos (41) e em vitórias (11) ao Internacional, mas assumiu vantagem no saldo, com a goleada de 4 x 1, enquanto o arquirrival, em casa, ficou no 0 x 0 com o Santos. O saldo do Grêmio é de 7 gols (33 a 26) e o do Internacional, de 6 (29 a 23).

Foto: Gremistas