Escolha uma Página

O Atlético de Madrid, vice-campeão espanhol 2018-19, acertou a contratação do lateral-esquerdo Renan Lodi, do Atlético Paranaense, por 25 milhões de euros, o equivalente a 110 milhões de reais, mais bônus, de acordo com o rendimento do jogador de 21 anos, que vinha sendo monitorado pelos observadores. Renan Lodi será apresentado na primeira quarta (4) de julho, quando os jogadores do vice-campeão espanhol retornarão das férias para exames médicos e início da preparação.

RENAN LODI será o substituto de Filipe Luis, de 33 anos, que chegou ao Atlético de Madrid em julho de 2010 e disputou 180 jogos, depois de ter jogado em 2004 no Ajax, campeão da Holanda, e em 2006 no Deportivo La Coruña, em 66 jogos consecutivos. Em janeiro de 2010, em choque com o goleiro do Atlético de Bilbao, Filipe Luis fraturou o perônio e perdeu a chance de ser convocado para a seleção brasileira que disputou a Copa do Mundo na África do Sul. Em 2014 não conseguiu se firmar no Chelsea e reconheceu que o lateral espanhol Azpilicueta estava em nível técnico superior ao seu.Filipe Luis está como titular da seleção brasileira na Copa América 2019, e na semifinal da próxima terça (3) com a Argentina, vai completar 45 jogos. Catarinense de Jaraguá do Sul, ele começou no Figueirense em 2003.

CHORANDO MUITO – O meia carioca Bruno Guimarães, de 21 anos, revelado no Audax e desde 2017 no Atlético Paranaense, é um dos melhores amigos de Renan Lodi. Ele revela que o lateral passou alguns dias chorando muito, após a CBF impedir que fosse escalado nos jogos do Brasileirão com Fluminense, Fortaleza e Palmeiras, porque o Atlético não o liberou para o Torneio de Toulon. Bruno diz que tem conversado com Lodi e ele se apresenta mais calmo e feliz com a ida para a Espanha.

DOIS TÍTULOS – Paulista do município de Serrana, na região metropolitana de Ribeirão Preto, Renan Lodi fez 21 anos dia 8 de abril, é canhoto, 1,78m, e começou no juvenil do Atlético Paranaense em 2012. Promovido ao time principal em 2016, estreou no jogo com o Grêmio pelo Campeonato Brasileiro, e em 2018 foi campeão paranaense e da Copa Sul-Americana. Bom marcador e cobrador de faltas, disputou 62 jogos e marcou quatro gols.

ANTES DE SAIR para o Atlético de Madrid, Renan Lodi teve proposta do Zenit, de St.Petersburgo (Rússia), mas o Atlético Paranaense, que detém 70% dos direitos econômicos – os 30% restantes são do Trieste, clube amador de Curitiba -,  não concordou com os valores. Na venda, o vice-campeão espanhol ficará responsável pelo pagamento dos impostos, que chegam a 19%. 

Foto: Tribuna do Paraná