Escolha uma Página

COM A VITÓRIA SOBRE O PEÑAROL por 3 x 2, na noite de ontem (23), na Arena MRV, em Belo Horizonte, o Atlético se manteve com 100% de aproveitamento e um dos cinco que ainda não perderam na Libertadores de 2024. Os outros são Libertad e River, que jogam hoje (24) no Paraguai; o Bolívar, que joga com o Flamengo, em La Paz, e o Fluminense, com o Cerro Porteño, do Paraguai, em Assunção.

O ATLÉTICO EXERCEU AMPLO DOMÍNIO e já saiu para o intervalo com 2 x 0, gols de Scarpa, aos 15, e Paulinho, aos 26, igualando-se a Jô, do time campeão de 2013, como segundo artilheiro do clube na Libertadores, com 11 gols, menos quatro que Hulk. No 2º tempo, Scarpa fez 3 x 0 aos 13, e os gols do Peñarol foram de Maxi Olivera aos 15 e Maxi Silvera aos 23. R$2.104.458,81. 34.279 pagantes.

O ÚNICO BRASILEIRO 100%: Everson, Saravia (Mariano), Battaglia, Jemerson e Arana; Otávio, Alan Franco, Scarpa (Igor Rabelo) e Zaracho (Igor Gomes); Paulinho (Cadu) e Hulk. O Atlético venceu o Caracas (4 x 1); o Rosário (2 x 1); o Peñarol (3 x 2), e os próximos jogos serão como vistante, com Rosário e Peñarol, e na última rodada, em casa, com o Caracas, dia 28 de maio.

FLUMINENSE PODE SE ISOLAR NA LIDERANÇA

ÚNICO INVICTO, O FLUMINENSE pode se isolar na liderança do Grupo A, com 7 pontos, se vencer o Cerro Porteño, na noite de hoje (24), no Paraguai, depois de ter sido alcançado pelo Colo-Colo, novo vice-líder com 4 pontos, após o 0 x 0 da noite de ontem (23), em Santiago, com o Allianza Lima.

Fotos: Terra e UOL