O ATLÉTICO MINEIRO MANTEVE A FOLGA NA LIDERANÇA, com oito pontos a mais que o Flamengo (75 a 67), na noite de ontem (23), em que ambos empataram fora de casa pelo mesmo placar (2 x 2). Duas vezes em desvantagem, o Atlético reagiu bem e conseguiu o 5º empate, 1º 2 x 2, em seu 17º jogo como visitante. Foi também o 1º 2 x 2 do Palmeiras, em seu 3º empate em 18 jogos como mandante em seu belo Allianz Parque. 

ACERTO E FALHA – O Palmeiras fez 1 x 0 com Wesley aos 28 e o argentino Zaracho empatou aos 36. No segundo tempo, o zagueiro paraguaio Junior Alonso fez pênalti com toque de mão e o goleiro Everson defendeu a cobrança de Patrick aos 11, mas logo em seguida falhou na saída do gol, após escanteio, e Deyverson marcou de cabeça o 2º gol do Palmeiras. De fora da área, aos 16, Hulk, artilheiro do campeonato com 15 gols, estabeleceu o empate final em 2 x 2.

OUTRA MARCA – No 2 x 0 no Juventude, o Atlético tornou-se o primeiro com 14 vitórias consecutivas em casa, desde a implantação dos pontos corridos em 2003, e com 46 pontos, igualou a própria marca de 2020. No 2 x 2 com o Palmeiras, o Atlético chegou aos 29 pontos como visitante, igualando a própria marca de 2017. Com os ingressos esgotados, o Atlético recebe o Fluminense, domingo (28), tentando a 16ª vitória em seu 18º jogo no Mineirão.

FESTA EM CASA – Se vencer o Fluminense e ganhar do Bahia, em Salvador, dia 2, o Atlético fará a festa do título de campeão brasileiro de 2021, no último jogo no Mineirão, domingo (5), com o Bragantino. O jogo final, como todos da 38ª rodada, será 5ª feira (9), em Porto Alegre, com o Grêmio, que talvez ainda esteja precisando pontuar para evitar o rebaixamento, que seria o terceiro de sua história, depois de 1991 e 2004.

OS NÚMEROS – Faltando quatro rodadas, o Atlético Mineiro lidera com 75 pontos em 34 jogos – 23 vitórias, 6 empates, 5 derrotas – e com saldo de 31 gols (55 a 24). Hulk, com 15 gols, é o artilheiro do Brasileiro de 2021, e já ultrapassou Fred, artilheiro do Atlético em 2016, com 14, mas precisa de 5 gols para superar Diego Tardelli, o artilheiro mais recente do Atlético, com 19 gols em 2009.

Foto: AMANDA PEROBELLI / REUTERS