Foto: Divulgação Atlético Mineiro

O Atlético Mineiro manteve o sexto lugar com 50 pontos e a segunda vaga na pré-Libertadores, ao vencer (1 x 0) o lanterna e já eliminado Paraná, na noite desta quarta (14), diante do menor público – 1.610 pagantes – e da renda mais fraca do Brasileirão 2018 – R$22.490,00 -, no estádio Durival de Brito e Silva, na Vila Capanema, em Curitiba. O gol foi do lateral-esquerdo Fabio Santos, aos 14 do primeiro tempo, convertendo pênalti do goleiro Richard, que derrubou o atacante Luan.

DUAS EXPULSÕES – Em jogo com sete cartões amarelos e dois vermelhos, bem aplicados pelo árbitro Wagner Magalhães, da Federação do Rio, o Paraná teve expulsos o meia Silvinho, aos 30 do primeiro tempo, ao reclamar de falta clara que cometeu no lateral Fabio Santos, e o atacante Andrey, aos 3 do segundo tempo, por atingir o rosto do volante Mateus Galdezani com o braço esquerdo. Em momento algum o Paraná levou perigo ao gol do Atlético Mineiro.

PRIMEIRO 1 x 0 – Depois de nove derrotas e quatro empates, foi apenas a quarta vitória do Atlético – primeira por 1 x 0 – em 17 jogos como visitante. O time do técnico paranaense Levir Culpi manteve o sexto lugar com 50 pontos, agora três à frente do Atlético Paranaense (47), que empatou (1 x 1) com o Vasco. Com 14 vitórias, 8 empates, 12 derrotas, o Atlético Mineiro manteve o sexto lugar e a segunda vaga para a pré-Libertadores (a primeira é do São Paulo, com 58, que joga nesta quinta (15), no Morumbi, com o Grêmio). 

QUINTA DERROTA – Apesar de último colocado e já rebaixado à Série B em 2019, foi apenas a quinta derrota que o Paraná sofreu em seu estádio – em todas sem fazer gol -, após oito empates e as únicas três vitórias que conseguiu. O técnico pernambucano Dado Cavalcante, contratado para reestrutura o elenco para o próximo ano, está aproveitando para lançar jovens. O Paraná vendeu seu próximo jogo, domingo (18), com o Palmeiras, que será no estádio do Café, em Londrina.

OS OUTROS JOGOS do Paraná serão fora de casa com o Ceará e o Botafogo, e na última rodada, 2 de dezembro, com o Internacional, que também poderá ser disputado fora de Curitiba. O Atlético Mineiro fará no sábado (17) o penúltimo jogo em Belo Horizonte com o Bahia (o último, com o Botafogo, será na rodada final), e os jogos como visitante serão com Internacional e Santos.