O atacante Ênio foi o destaque do Botafogo na fase de grupos da Copa São Paulo, com quatro gols, ao marcar os dois da vitória (2 x 0) sobre o Noroeste, ontem (9), no estádio Alfredo Castilho, em Bauru, a 332 km da capital paulista. Na estreia, Ênio havia feito os dois na vitória (2 x 0) sobre o Visão Celeste, de Parnamirim, do Rio Grande do Norte.

EM QUATRO MINUTOS – Depois de só ter criado uma chance no primeiro tempo, com o chute de Renato no travessão, o Botafogo voltou melhor do intervalo com as mudanças do técnico Marcos Soares e fez os dois gols em quatro minutos, aos 35 e aos 39, com Ênio se sobressaindo em sua segunda participação na Copinha.

O BOTAFOGO terminou em segundo no Grupo 4, com 7 pontos, igual ao Novorizontino – 2 vitórias, 1 empate -, mas o time paulista ficou em primeiro pelo saldo de gols (7 a 4), após golear (8 a 3) o Visão Celeste no outro jogo de ontem (9). O Novorizontino fez 12 e sofreu 5, enquanto o Botafogo marcou 5 e sofreu 1 gol.

ADVERSÁRIO – Por ter ficado em segundo no Grupo 4, o Botafogo jogará na próxima fase com o Botafogo, de Ribeirão Preto, que terminou em primeiro no Grupo 3, com 2 vitórias, 1 empate, 5 gols marcados e nenhum gol sofrido. Se tivesse terminado em primeiro no Grupo 4, o Botafogo jogaria na próxima fase com o Atlético Goianiense.

BOA PRESENÇA – Com o atacante Ênio em destaque como artilheiro o Botafogo está tendo boa presença na Copinha 2020. O time que venceu ontem (9) o Noroeste teve Andrew, Elivelton, Henrique, Sousa e Hugo; Wendel (Romildo), Michel e Maciel (Robson); Renato (Tiaguinho), Ênio e Maxuel (Marquinhos). Técnico – Marcos Soares.

VOLTA REDONDA AVANÇA – Com 3 x 0 sobre o Galvez, do Acre, o Volta Redonda FC foi o segundo do Rio de Janeiro a se classificar ontem (9) para a próxima fase da Copinha, o que acontece pelo terceiro ano consecutivo. Lorenzo, Gregório e João Lino fizeram os gols no estádio Ernesto Rocco, em Porto Feliz, a 112 km da capital paulista.

O VOLTA REDONDA terminou igual ao Desportivo Brasil, de Porto Feliz, com 6 pontos, que ficou em primeiro no Grupo 8, pelo saldo de gols (3 a 1). O Desportivo Brasil marcou 4 e sofreu 1, e o Volta Redonda fez 4 e sofreu 3. Time: Luis Fernando, Walter, Davison, Gabriel e Marcinho; Pedro Tomás, Guilherme, Gregório (Bambam) e Joarley (Andrey); Bebê (Juan) e Lorenzo (João Lino). Técnico – Neto Colucci. O próximo adversário é o Capivariano FC, da cidade de Capivari, a 102 km da capital paulista.

GOLEADA NA CHUVA – No jogo dos eliminados, o Nova Iguaçu se despediu da Copinha com a goleada (5 x 0) sobre o Linhares, do Espírito Santo, ontem (9), no estádio Manoel Ferreira, em Bálsamo, município a 464 km da capital paulista, pelo Grupo 10. Marcos Vinícius, Rafael Lucas e Mezenga fizeram três gols em cinco minutos. Manga e Canela, de pênalti, completaram a goleada, sob muita chuva, que parou o jogo por 12 minutos.

DESPEDIDA COM VITÓRIA – Depois de perder os dois primeiros jogos, marcando só 1 gol e sofrendo 8, o América se despediu da Copinha com 2 x 0 sobre o Guarulhos, único que não pontuou no Grupo 30. O América terminou em terceiro com 3 pontos, 1 vitória, 2 derrotas, 3 gols marcados e 8 sofridos. Classificaram-se Santa Cruz, do Recife, e AA Flamengo, de São Paulo.

OUTRO ELIMINADO – Com a derrota por 3 x 2 para o São Bernardo, que terminou em primeiro no Grupo 24, o Resende FC foi eliminado, terminando em terceiro. O outro classificado foi o ABC, de Natal, que goleou (4 x 0) o Manthiqueira, de São Paulo. 

Foto: Reprodução