O BOTAFOGO REASSUMIU A LIDERANÇA com os gols de Mateus Nascimento, o segundo de letra, nos 2 x 0 sobre o Nova Iguaçu, que caiu para o último lugar, na noite chuvosa de ontem (7), no estádio Nilton Santos. Únicos invictos, Botafogo e Vasco têm 10 pontos, com 3 vitórias e 1 empate, e o Botafogo é líder pelo saldo de gols (6 a 5), com 9 a favor e 3 contra; o Vasco marcou 11 e sofreu 6. O clássico que disputarão na 5ª rodada, domingo (13), será no estádio Castelão, em São Luis do Maranhão. O mando de campo foi vendido e cada clube ganhará 500 mil reais.

MATEUS NASCIMENTO de Paula, carioca de 17 anos, 1,82m, nascido no mesmo dia do artilheiro Zico, piscianos de 3 de março, formou-se na base do Botafogo, tem contrato até 30/6/2023 e já foi convocado para a seleção brasileira sub-18. Com boa presença na área, fez os gols com assistências dos alas Jonathan Silva e Daniel Borges. O 1º, aos 18 minutos, de pé direito, e o 2º, aos 31, de letra, depois de o time ter jogado mal no 1º tempo e saído sem gol para o intervalo.

FOI O SEGUNDO 2 x 0 DO CAMPEONATO, e do Botafogo, que repetiu o placar da vitória sobre o Bangu na 2ª rodada. Dos 49 gols em 24 jogos, média de 2.04 gols por jogo, o Botafogo tem o 2º ataque mais positivo (9), só com menos dois gols que o Vasco (11). A ausência do argentino Joel Carli, suspenso pelo 3º cartão amarelo, foi bem suprida por Lucas Mezenga, de 20 anos, 1,88m, com atuação segura ao lado de Kanu.

OS LÍDERES – Gatito, Daniel Borges, Kanu, Lucas Mezenga e Jonathan Silva (Hugo, 37 do 2º tempo; Fabinho (Erison, 16 do 2º tempo), Breno (Barreto, 39 do 1º tempo) e Raí; Diego Gonçalves, Mateus Nascimento (Kayque, 37 do 2º tempo) e Ronald (Luis Fernando, 16 do 2º tempo). A longa ausência do lateral piauiense Carlinhos, operado do joelho, será bem sentida, embora Jonathan Silva já tenha mostrado mais desenvoltura no segundo jogo. R$49.818,00, 1.595 pagantes.

BOM DIZER – Com os 2 x 0 no Nova Iguaçu, o Botafogo completou 14 jogos de invencibilidade, desde o sábado, 2 de outubro de 2021, quando perdeu em casa para o Avaí por 2 x 1, pela 28ª rodada da Série B, que conquistou com brilho. O Botafogo volta ao estádio Nilton Santos, 5ª feira (10), para o clássico mais antigo do Rio, com o Fluminense, desde o domingo, 13 de maio de 1906, nas Laranjeiras, pela 2ª rodada do 1º Campeonato Carioca (Fluminense 8 x 0).

OITO CARTÕES – O árbitro Tarcizo Caetano, de 33 anos, administrador de empresas, teve boa atuação e fez oito advertências com cartão amarelo: Luis Henrique (goleiro e capitão), lateral Rafinha, meia Rodrigo Andrade e atacante Samuel Granado, do Nova Iguaçu. Os alas Daniel Borges e Jonathan Silva e os atacantes Luis Fernando e Mateus Nascimento, os do Botafogo, prejudicado no 1º tempo pelo erro da assistente Andrea Sá, que marcou impedimento de Ronald, em posição legal, quando o ponta arrancava livre para fazer o gol.

1º GOL, 1ª VITÓRIA – O Audax de Angra dos Reis marcou o 1º gol e conseguiu a 1ª vitória, com o 1 x 0 da tarde de ontem (7) sobre o Resende, no estádio do Trabalhador, no Sul do estado. O gol foi do ponta maranhense Misael Jansen, logo aos 2 minutos. O Audax vinha de 0 x 0 com o Nova Iguaçu e de derrotas por 1 x 0 para a Portuguesa e o Fluminense, e subiu quatro posições (8º com 4 pontos). Únicos sem vitória, Volta Redonda (penúltimo) e Nova Iguaçu (lanterna).

Foto: Esporte R7