As vitórias da noite de ontem (24), do Náutico sobre o CSA por 1 x 0 e do Guarani sobre o Operário por 3 x 0, foram ruins para o Botafogo, que perdeu duas posições, ao ser ultrapassado por ambos, e desceu do quinto para o sétimo lugar com 32 pontos. Encerrando a vigésima rodada, o Náutico venceu fora de casa e saiu de oitavo para sexto com 33 pontos, e abrindo a vigésima primeira rodada, o Guarani ganhou em casa e subiu de nono para quinto com 33 pontos.

DOIS PARA TORCER – Antes de visitar o líder Coritiba, sexta (27), o Botafogo tem que torcer para que o mandante Vila Nova vença o Avaí, quarto com 33 pontos, no único jogo de hoje (25), e que o mandante Confiança ganhe do Goiás, terceiro com 35 pontos, no único jogo de amanhã (26). Com esses resultados, o Botafogo entraria no G4, com 35 pontos, desde que vença o líder no único jogo da noite de sexta (27), no estádio Couto Pereira, em Curitiba.

OS DOIS MELHORES – Bom dizer desde logo que será o jogo dos melhores mandantes, com o Botafogo como primeiro. Será também o jogo que dois dos três principais artilheiros do campeonato poderão decidir. Leo Gamalho, do Coritiba, é vice-artilheiro com 10 gols, só menos 1 gol que Edu, do Brusque, e Chay, do Botafogo, terceiro com 7 gols. E mais: o jogo de dois dos quatro ataques mais positivos: Botafogo 28 e Coritiba 25, abaixo apenas do Guarani, 32, e do CRB, 30.

VANTAGEM DO LÍDER – Depois de uma semana de folga, o Coritiba terá depois do jogo com o Botafogo, o jogo seguinte como visitante, viajando 429 km para enfrentar o Londrina, no estádio do Café, recebendo em seguida o Vila Nova e o Vitória. O técnico paraguaio Gustavo Morínigo está aproveitando bem a semana inteira para ajustar o time líder com 39 pontos, mas só com 3 pontos de vantagem do vice-líder CRB, favorito de domingo (29), em Maceió, com o Cruzeiro.

DESFALQUE – O treinador Enderson Moreira voltará à área técnica, após cumprir suspensão, mas não contará com Diego Gonçalves, uma das peças importantes do seu esquema. O atacante paulista sofreu lesão do músculo do quadril na vitória sobre o Vila Nova e a previsão é de que só volte em quatro semanas. Com isso, ele seria desfalque nos jogos com Londrina e Náutico, de vez que estará fora em Curitiba e no jogo seguinte, em Belém, com o Remo.

RELEMBRANDO – Dirigentes do Coritiba fizeram alusão à volta do VAR em todos os jogos do returno, recordando que na derrota por 2 x 0, no estádio Nilton Santos, houve gol do Coritiba, mal anulado, e um pênalti inexistente para o Botafogo. O Coritiba teve boa notícia na noite de ontem (24): vai receber R$4 milhões da venda do atacante Mateus Cunha, do Hertha Berlim para o campeão espanhol Atlético de Madrid. A formação do jogador foi feita pelo Coritiba.

ATACANTE MARLONE, de 29 anos, ex-Vasco e Corinthians, foi contratado pelo Brusque e estreará sábado (28) no jogo em casa com o Londrina. O Brusque é décimo terceiro com 25 pontos e 7 vitórias.

Foto: Vitor Silva/Botafogo