Escolha uma Página

Se conseguir a terceira vitória em seu nono jogo no estádio Nilton Santos, na noite de hoje (19) com o Goiás, último colocado e que ainda não ganhou como visitante, o Botafogo subirá quatro posições, ultrapassando Corinthians, Vasco e Ceará, com 18 pontos, e Sport, com 20. Se vencer, o Botafogo termina a rodada em décimo primeiro, empatado com o Grêmio, em pontos (21), vitórias (4) e só em desvantagem no saldo de gols, negativo em 3 (17 x 20), e o do Grêmio, positivo em 2 (17 a 15).

IMPORTANTE – O Botafogo precisa muito da vitória sobre o Goiás, de grande importância, não só para subir quatro posições, mas para afastar a ameaça da volta ao grupo dos quatro últimos. Até mesmo o empate será ruim, porque se o Bahia, com 16 pontos, vencer em Pituaçu o Atlético Mineiro, ficará com 19, empatando em pontos, mas em vantagem de duas vitórias. Décimo quinto, o Botafogo tem 18 pontos e 3 vitórias, e o Bahia, décimo sexto, tem 16 pontos e 4 vitórias.

BOM DIZER – O Goiás, último colocado com 10 pontos e 2 vitórias, está seis pontos abaixo do Athletico Paranaense, com 16 pontos, 4 vitórias e saldo negativo de 5 gols (12 a 17); do Coritiba, com 16 pontos, 4 vitórias e saldo negativo de 8 gols (14 a 22), e do penúltimo, Bragantino, com 16 pontos, 3 vitórias e saldo negativo de 5 gols (19 a 24). Bom lembrar: em seu estádio, o Botafogo venceu Atlético Mineiro e Palmeiras (2 x 1); empatou com Santos e Coritiba (0 x 0), e Fluminense (1 x 1), e perdeu para o Internacional (2 x 0), Vasco (3 x 2) e Bahia (2 x 1).

BAHIA x ATLÉTICO – Só a vitória sobre o Bahia, na noite de hoje (19), no estádio municipal de Pituaçu, na região metropolitana de Salvador, recoloca o Atlético Mineiro na liderança do Brasileiro 2020, pela diferença de uma vitória (11 a 10) sobre o Internacional, que voltaria ao segundo lugar, e o Flamengo, que retornaria ao terceiro. O Internacional tem saldo de 15 gols (28 a 13); o saldo do Atlético é de 13 gols (30 a 17), e o do Flamengo só melhorou, após os 5 x 1 no Corinthians, passando a ser de 11 gols, com 30 marcados e 19 sofridos.

Foto: Vitor_Silva