O Botafogo se classificou para a terceira fase da Copa do Brasil, na volta do técnico Paulo Autuori, ao vencer o Náutico – 5 x 3 nos pênaltis -, depois de 1 x 1 nos 90 minutos, na noite de ontem (19), no estádio dos Aflitos, no Recife. O meia Jean Carlos fez o gol do Náutico aos 43 e o meia Bruno Nazario, de cabeça, após cruzamento de Luis Fernando, aos 23 do segundo tempo, empatou para o Botafogo, que esteve sempre superior no jogo.

GATITO SEMPRE GATITO – Nas cobranças de pênaltis, o único do Botafogo que não converteu foi Luis Fernando: o goleiro Jeferson defendeu. Todos os demais – Alex Santana, Pedro Raul, Bruno Nazario e Danilo Barcelos – souberam aproveitar. Jean Carlos, Jonathan e Josa converteram para o Náutico, mas Gatito garantiu a classificação do Glorioso, ao defender as cobranças Ronaldo Alves e Paiva. Mais uma grande atuação do goleiro paraguaio do Botafogo.

OS CLASSIFICADOS – Gatito, Barrandeguy, Marcelo, Ruan e Guilherme (Luis Fernando); Tiaguinho, Bruno Nazario, Alex Santana e Danilo Barcelos; Luis Henrique (Warley) e Cicero (Pedro Raul). Técnico – Paulo Autuori. O Botafogo receberá R$1.500 mil pela classificação à terceira fase da Copa do Brasil. Náutico 1 x 1 Botafogo registrou R$229.939,00, com 10.717 pagantes, na noite de ontem (19), no estádio dos Aflitos, no Recife.

  • CHAPECOENSE ELIMINA BOAVISTA

Três dias antes de decidir a Taça Guanabara com o Flamengo, sábado (22), no Maracanã, o Boavista Sport Clube foi eliminado pela segunda vez na primeira fase, em sua sétima participação na Copa do Brasil, ao perder (2 x 0) para a Chapecoense, que ainda não havia ganho em seis jogos este ano. Os gols da noite de ontem (19), no estádio Elcyr Resende, em Saquarema, foram de Aylon aos 41 do primeiro tempo e Foguinho aos 14 do segundo.

BOA ESTREIA – O capixaba Umberto Louzer, ex-volante e técnico do Guarani, Vila Nova e Coritiba, estreou na Chapecoense, que em seis jogos não havia conseguido ganhar em 2020. Ele elogiou o potencial do grupo e disse que “o trabalho é para seguir ganhando na Copa do Brasil e conseguir a volta à Série A em 2021”. Umberto Louzer é de Vila Velha, na Grande Vitória, e na próxima segunda (24) vai completar 40 anos. O próximo adversário na Copa do Brasil é o gaúcho EC São José, dia 5 de março, no estádio Francisco Novelletto, em Porto Alegre.

A DECISÃO – Paulo Bonamigo, técnico do Boavista, disse que “o resultado não terá influência na decisão com o Flamengo, que pode até ser considerado favorito pela maioria, mas não vai encontrar facilidade”. Meia cinco vezes campeão gaúcho no Grêmio, Bonamigo foi também do time campeão da Libertadores e Mundial de clubes de 83. Ele gosta sempre de lembrar que o primeiro time que dirigiu foi o Madureira, em 1998.

  •  VOLTA REDONDA ELIMINADO PELO LAGARTO

O Lagarto FC eliminou ontem (19) o Volta Redonda, que jogava pelo empate, com o gol do meia Jardson Sapé, aos 15 do segundo tempo, no estádio Albano Franco, em Simão Dias, município do agreste sergipano, a 100 km da capital Aracaju. Com a cota de R$650 mil pela classificação, o Lagarto jogará dia 5 de março no estádio Barradão, em Salvador, com o Vitória, que eliminou o Imperatriz, do Maranhão, por ter a vantagem do empate (0 x 0). A cidade de Lagarto fica a 75 km de Aracaju.

TERRA DO POETA – O meia Jardson, autor do gol, é do município de Sapé, maior produtor paraibano de abacaxi, a 42 km da capital João Pessoa. Sapé foi onde nasceu Augusto dos Anjos – 1884 – 1914 -, um dos notáveis poetas brasileiros, que lançou no Rio de Janeiro, em 1912, seu único livro de poesia, Eu e outras poesias. Em sua única obra literária, uma frase ficou marcada: “A mão que afaga é a mesma apedreja”.

  • CRB ELIMINA PAYSANDU NOS PÊNALTIS

No estádio da Curuzu, em Belém do Pará, na noite de ontem (19), o CRB – Clube de Regatas Brasil – eliminou o Paysandu – 5 x 3, nos pênaltis -, depois de 1 x 1 nos 90 minutos. Leo Gamalho fez o gol do CRB e Caíque empatou. Aproveitamento 100% do CRB nos pênaltis – Erik, Igor, Leo Gamalho, Jatobá e Longuine -, mas o goleiro Edson Merden, do CRB, defendeu a cobrança de Micael, após Alex, Tony e Elielton converterem para o Paysandu.

MAIS UM E MEIO – Os torcedores do Paysandu saíram decepcionados com a eliminação, enquanto os poucos do CRB, que se deslocaram de Maceió, comemoraram a classificação para a terceira fase da Copa do Brasil. O clube alagoano receberá mais um milhão e meio de reais, de acordo com a premiação progressiva. Dia 4 de março, no estádio Melão, em Varginha, no Sul de Minas, Boa Esporte e Cruzeiro decidirão quem jogará com o CRB.

  • FERNANDO PRASS GARANTE CEARÁ

O goleiro Fernando Prass, ex-Vasco e Palmeiras, garantiu a classificação do Ceará para a terceira fase da Copa do Brasil, ao defender dois pênaltis na noite de ontem (19) na Arena Barueri. O primeiro, aos sete do segundo tempo, quando estava 1 x 1 e ele impediu que Bruno colocasse o Oeste em vantagem. O Ceará teve que jogar praticamente todo o segundo tempo com menos um, pela expulsão do zagueiro Klaus, que cometeu o pênalti.

OUTRO PÊNALTI – Leandro Carvalho fez o gol do Ceará e De Paula empatou ainda no primeiro tempo. O jogo foi muito prejudicado pelas condições pesadas do gramado, devido à chuva. Na decisão em pênaltis o aproveitamento do Ceará foi total, com as cobranças de Bergson, Samuel Xavier, Eduardo Brock e Felipe Baxola. De Paula e Roberto converteram para o Oeste, mas Fernando Prass defendeu outro pênalti, o de Alyson. O Ceará venceu (4 x 2). O próximo adversário será o vencedor de Vitória x Lagarto.

Foto: Vitor Silva / Botafogo