Escolha uma Página

DEPOIS DE GOLEAR a Tunísia por 4 x 1, o Brasil vencerá Israel nas quartas de final de sábado (3) e aguardará o adversário nas semifinais para decidir a vaga na final do Mundial Sub-20, no domingo (11). Mesmo com 10, pela expulsão do zagueiro Robert Renan, ainda no 1º tempo, a seleção brasileira confirmou a ampla superioridade sobre a Tunísia e já saiu para o intervalo com 2 x 0, gols de Marcos Leonardo, convertendo pênalti que sofreu, aos 12, e Andrey aos 31 minutos.

O BRASIL CHEGOU À GOLEADA nos acréscimos, com Mateus Martins aos 46, e o 2º gol de Andrey, aos 55. Pouco antes do apito final do árbitro turco Hamil Umut Meler, professor universitário de 36 anos, o atacante Ghorbel fez o gol da Tunísia aos 59 minutos e comemorou como se não houvesse amanhã. A seleção da Tunisia entrou na fase final por ter sido uma das quatro melhores dos terceiros colocados, mas é muito fraca do ponto de vista técnico.

A SELEÇÃO BRASILEIRA não teve o goleiro Mycael, com dores musculares, e goleou com Kaíque, Artur, Jean, Robert Renan e Kaíki Bruno (Douglas); Andrey (c), Marlon e Marquinhos (Giovane); Savio (André), Marcos Leonardo (Mateus Martins) e Guilherme Biro (Ronald). O técnico Ramon Menezes destacou a união e o poder de recuperação da equipe, após a expulsão de Robert Renan, e resumiu: “Digo a eles que não se ganha com 11, mas com o grupo”.

                ARGENTINA ELIMINADA PELA NIGÉRIA

“UMA SEQUÊNCIA DE ERROS causou a eliminação” – resumiu a crônica do jornal La Nacion, de Buenos Aires, sobre a derrota da Argentina para a Nigéria por 2 x 0, nesta 4ª feira (31), no estádio Diego Armando Maradona, da cidade de San Juan, na região Oeste do país. A eliminação deve provocar a demissão do técnico Javier Mascherano, de 38 anos, ex-volante e zagueiro campeão brasileiro de 2005 no Corinthians, e com 20 títulos no Barcelona.

                ARTILHEIRO CLASSIFICA ITÁLIA

INGLATERRA E ITÁLIA fizeram jogo equilibrado, só decidido nos acréscimos do 2º tempo. Duas das melhores seleções jovens da Europa, empataram na saída para o intervalo: Baldanzi fez 1 x 0 Itália e De Vine marcou para os ingleses, que tiveram chance de desempatar. A classificação da Itália foi decidida aos 49 minutos do 2º tempo por Casadei, de pênalti. Ele é o artilheiro com 5 gols, seguido de Marcos Leonardo e do colombiano Óscar Cortez, que fez dois nos 5 x 1 no Uzbequistão.

Fotos: Divulgação