O atacante Diego Costa fez o terceiro gol do Atlético de Madrid, que venceu (3 x 1) quando mais forte era a pressão do Espanyol pelo empate, e deixou o time do técnico argentino Diego Simeone só a um ponto (24 a 25) do líder Barcelona e do vice-líder Real Madrid, que haviam goleado na véspera pela décima terceira rodada.

DE VIRADA – A vitória do Atlético de Madrid teve motivo especial de vibração para os 53.069 torcedores no Estádio Wanda Metropolitano – o mais moderno da Espanha – porque foi de virada. O Espanyol de Barcelona fez 1 x 0, gol do meia Sergi Darder, espanhol de 25 anos, mas o meia Joaquin Correa, argentino de 25 anos, empatou aos 45 minutos.

DESTAQUE – Na volta do intervalo, o atacante espanhol Alvaro Morata, de 27 anos, fez o segundo gol, em jogada individual bem trabalhada, e o sergipano Diego Costa, de 31 anos, marcou o terceiro, aliviando a situação de pressão que o time vivia. Diego Costa é do município de Lagarto, a 75 km de Aracaju, e já se naturalizou para jogar na seleção.

27  FALTAS – Atlético de Madrid 3 x 1 Espanyol de Barcelona foi um jogo bem pegado e o número de faltas (27) um pouco acima da média do futebol espanhol. Das 27, o Atlético de Madrid cometeu 12. Cada time teve dois jogadores advertidos com cartão amarelo pelo árbitro Jesus Gil Manzano, de 35 anos.

BOM LEMBRAR – Na abertura da rodada, ontem (9), o Barcelona goleou (4 x 1) o Celta, de Vigo, com três gols de Messi, e o Real Madrid, fora de casa, fez 4 x 0 no Eibar.

Foto: Eurosport