O goleiro Julio Cesar é o convidado da FIFA para entrar em campo com a taça que o capitão vencedor receberá no final e que ganhou em 2010 quando foi campeão com a Internazionale de Milão. Ele ganhou o prêmio de melhor do Campeonato Italiano na mesma temporada (2009-10), antes de completar 300 jogos pela Inter (2005 a 2012).

284 JOGOS – Nascido em 3 de setembro de 79 em Duque de Caxias, segundo maior município do estado do Rio de Janeiro, Julio Cesar Soares de Spíndola foi criado na Penha e no Grajaú, e disputou 284 jogos – 122 vitórias, 70 empates, 92 derrotas – pelo Flamengo, tricampeão carioca 99-2000-2001, e 2004. No total da carreira, de 97 a 2019, 791 jogos.

TERCEIRO – Julio Cesar é o terceiro goleiro com mais jogos (284) pelo Flamengo. O recordista foi Antonio Cantareli, com 557 jogos, de 73 a 83 e de 84 a 90, e o segundo, Zé Carlos, com 352 jogos, de 84 a 91 e de 96 a 97. Julio Cesar fez 87 jogos pela seleção e foi titular das Copas de 2010 e 2014. 

OUTRO TRI – Além de campeão na Inter de Milão, Julio Cesar foi tricampeão português no Benfica – 2014-15-16-17 -, com o total de 87 jogos. Atuou também no Chievo, Queens Park Rangers (Escócia) e no Toronto, ao disputar a Major Soccer League americana. Voltou ao Flamengo em janeiro de 2018 e fez contrato simbólico de três meses.

A DESPEDIDA – Julio Cesar se despediu do Flamengo em 21 de abril de 2018, no Maracanã, ao vencer (2 x 0, gols de Henrique Dourado) o América Mineiro. O jogo era do Campeonato Brasileiro, mas não tinha apelo, porém 52 mil rubro-negros foram ao estádio para aplaudi-lo. Julio Cesar fez cinco grandes defesas e saiu emocionado. 

Foto: Gilvan de Souza/CRF