ATLÉTICO GOIANIENSE x SÃO PAULO OU CEARÁ será a final inédita da 21ª Copa Sul-Americana, no sábado, 1 de outubro, no estádio Mané Garrincha, em Brasilia. O Atlético Goianiense se classificou pela primeira vez, ao eliminar o Nacional do Uruguai por 3 x 0, na noite de ontem (9), em Goiânia, e o São Paulo terá a vantagem do empate, na noite de hoje (10), em Fortaleza, após vencer por 1 x 0 no Morumbi.

A CLASSIFICAÇÃO DO ATLÉTICO GOIANIENSE, dirigido pelo técnico carioca Jorginho, lateral campeão do mundo em 94, foi brilhante, com vitórias nas semifinais com o Nacional por 1 x 0 no Parque Central, em Montevidéu, e por 3 x 0 na noite de ontem (9), no estádio Serra Dourada, em Goiânia.

O DRAGÃO, COMO É TRATADO EM GOIÂNIA, já saiu para o intervalo com 2 x 0, gols de Luiz Fernando, de pé esquerdo, embora seja destro, logo aos 4 minutos, e Gabriel Baralhas aos 45. Luiz Fernando foi o 3º aos 8 minutos e foi expulso nos acréscimos pelo árbitro argentino Dario Herrera. R$604.620,00. 20.649 pagantes.

AUTOR DE TRÊS GOLS NOS DOIS JOGOS com o Nacional, o atacante Luiz Fernando, de 25 anos, natural de Tocantinópolis, está volta ao Atlético de Goianiense, após curta passagem pelo Botafogo. Ele dividiu as honras do jogo com o meia argentino Diego Churin, de 33 anos, emprestado pelo Grêmio, com belas assistências para os três gols.

O TIME FINALISTA DO ATLÉTICO GOIANIENSE: Renan, Hayner, Wanderson (Michel), Klaus e Artur Henrique (Jefferson); Edson (Marlon), Baralhas e Jorginho (Wellington Rato); Leo Pereira, Diego Churin (Airton) e Luiz Fernando. 19º no Campeonato Brasileiro, com 20 pontos, o Atlético jogará sábado (13), no estádio Nilton Santos, com o Botafogo, 12º com 25 pontos.

O BRASIL GANHARÁ A COPA SUL-AMERICANA pela 5ª vez em 2022, depois do Internacional em 2008 (1 x 0 no Estudiantes da Argentina); São Paulo em 2012 (2 x 0 no Tigre da Argentina); Chapecoense em 2016, por concessão do Nacional de Medellin, e Atlético Paranaense em 2018 (1 x 1 e 4 x 3 nos pênaltis no Junior Barranquilla.

Foto: Diário de Goiás / Alan Deyvid (ACG)