Com dois gols do atacante egípcio Mohamed Salah, de 28 anos, que deu assistência para o volante inglês Jordan Henderson, de 30 anos, completar o placar (3 x 1) sobre o Brighton, o campeão Liverpool, do técnico alemão Jurgen Klopp, de 53 anos, estabeleceu hoje (8) um recorde histórico na Premier League, com 30 vitórias em 34 jogos, faltando ainda quatro rodadas.

O Liverpool tem 92 pontos, mais 23 que o Manchester City (69), que chegou a 22 vitórias ao golear (5 x 0) o Newcastle. O primeiro gol, aos 9 minutos, foi de Gabriel Jesus, que não marcava desde 26 de fevereiro, na virada (2 x 1) sobre o Real Madrid, no jogo de ida das oitavas da Champions League, no estádio Santiago Bernabeu, ainda com público.

RECORDE DE PONTOS – Para superar os 100 pontos do Manchester City, campeão em 2017-2018, no primeiro título do técnico espanhol Guardiola, o Liverpool precisa de nove pontos dos doze que vai disputar, sábado (11), em casa, com o Burnley, e nos clássicos com o Arsenal, dia 15, em Londres, e com o Chelsea, dia 22 em Liverpool. Na última rodada, dia 26, o Liverpool será visitante no jogo com o Newcastle. Ganhando os quatro jogos restantes, o Liverpool somará 104 pontos, recorde dos recordes!

CHUTEIRA DE OURO – Salah está disputando a Chuteira de Ouro 2019-2020 da Premier League com o inglês Jamie Vardy, de 33 anos, do Leicester City, que hoje (8) empatou com o Arsenal (1 x 1) em Londres. Vardy tem 22 gols, Salah 19, e entre eles, o francês Pierre Aubameyang, do Arsenal, com 21. Depois do acerto com o técnico, o Liverpool está com a permanência de seus principais valores assegurada, incluídos os brasileiros Alisson, Fabinho e Firmino.

OS RECORDISTAS – Alisson, Alexander-Arnold, Joe Gomez, Van Dijk e Williams (Robertson); Henderson (Milner), Wijnaldum e Keita (Fabinho); Salah, Firmino (Minamino) e Oxalade-Chamberlain (Mané). A vitória de hoje (8) foi no estádio Amex, em Brighton, bela cidade turistica à beira-mar, 60 km ao Sul de Londres. O árbitro Craig Pawson marcou 22 faltas (7 do Brighton) e aplicou cinco cartões amarelos, quatro em jogadores do Liverpool, que acertou 390 passes e o adversário, 293.

Foto: A Bola, Irish Mirror. AP Photo/Catherine Ivill,Pool