ENDERSON MOREIRA, campeão da Série B de 2021 com o Botafogo, é o novo técnico do Bahia, que anunciou neste domingo (26) a demissão de Guto Ferreira, após a derrota da noite de sábado (25) para o Novorizontino por 1 x 0. Guto não resistiu à terceira derrota consecutiva, depois de 1 x 0 para a Chapecoense, 3ª feira (14), e da virada do Athletico Paranaense, 4ª feira (22), no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. As três derrotas seguidas do Bahia foram na Arena Fonte Nova, em Salvador.

GUTO FERREIRA, de 56 anos, paulista de Piracicaba, deixou o Bahia em 3º lugar no Brasileiro de 2022 da Série B, com 25 pontos, 8 vitórias, 1 empate, 5 derrotas, saldo de 7 gols (15 a 8), a 5 pontos do vice-líder Vasco, único invicto, com 30, e a 6 pontos do líder Cruzeiro, com 31, menos um jogo. Guto não manteve o Bahia na Série A em 2021, mas foi mantido. Guto foi demitido após 20 vitórias, 17 derrotas e 10 empates, após dirigir o time em 47 jogos, desde agosto de 2021. Os jogadores ficaram surpresos com a demissão.

ENDERSON MOREIRA, de 50 anos, mineiro de Belo Horizonte, volta ao Bahia pela segunda vez, após comandar o time em 2018-19, em 59 jogos, com 22 vitórias, 18 derrotas e 19 empates. É a primeira vez que vai dirigir o Bahia na Série B, em que já foi três vezes campeão, em 2012 com o Goiás; em 2017 com o América Mineiro e em 2021 com o Botafogo. Enderson dirigirá o Bahia no jogo de 3ª feira (28), com o Brusque, 10º com 17 pontos, no estádio Augusto Bauer, em Brusque, a capital catarinense do tecido.

Foto: Divulgação / EC Bahia