Escolha uma Página

Foto: Tarla Wolski/Futura Press/Folhapress

Com a vitória da noite desta quinta (22) sobre o Sport (2 x 1), na Arena Condá, no oeste de Santa Catarina, a Chapecoense saiu do rebaixamento, subiu duas posições e terminou a rodada em décimo sexto com 40 pontos. O Sport, que estava fora, voltou a ser um dos últimos, seriamente ameaçado de cair para a Série B.R$187.190,00. 12.384 pagantes e boa arbitragem de Leandro Pedro Vuaden, da Federação Gaúcha.

NONA EM CASA – A Chapecoense liquidou o jogo logo no início, com dois gols em quatro minutos, ambos marcados por Leandro Pereira, artilheiro do time em 2018 com 10. Leandro converteu pênalti aos 3 e aos 7 aproveitou o cruzamento do lateral-direito Eduardo para cabecear forte e colocado. Foi a nona vitória em Chapecó, onde o time terminará o campeonato dia 2 de dezembro com o São Paulo, após jogar com o Corinthians, domingo (25), em São Paulo.

13 DERROTAS – O Sport sofreu a décima terceira derrota fora de casa, com o goleiro Mailson, em noite inspirada, evitando a goleada com pelo menos cinco defesas daquelas consideradas impossíveis. O gol do Sport foi de Michel Bastos, aos 23 do segundo tempo, com a bola tocando na trave e nas costas do goleiro Jandrei. O único cartão amarelo foi para o meio-campo Jair, do Sport.

TROCA DE POSIÇÃO – A Chapecoense, que estava em décimo oitavo, subiu para o décimo sexto com 40 pontos, e o Sport, que era o décimo sexto, caiu para o décimo oitavo lugar com 38 pontos. O Sport jogará segunda (26) com o São Paulo, no Morumbi, e na rodada final, domingo, 2 de dezembro, com o Santos, na Ilha do Retiro, no Recife.