Escolha uma Página

GANSO VAI COMPLETAR amanhã cinco anos no Fluminense, desde a estreia, em que não fez gol, na vitória sobre o Bangu por 2 x 0, gols de Digão e Caio Henrique, na abertura da Taça Rio, na noite da 6ª feira, 22 de fevereiro de 2019, no Maracanã, diante de 20.946 torcedores. Ganso estava voltando do Amiens, time francês inexpressivo, onde só teve atuações ruins e não fez sequer um gol em 13 jogos.

AMANHÃ (22), no jogo de ida da decisão da Recopa Sul-Americana, o meia canhoto paraense de 34 anos, vê o Fluminense com todas as chances de mais uma grande exibição e de sair do estádio Casa Blanca com a vitória, mesmo na altitude de 2.850 metros de Quito, onde o visitante não se sente confortável. “É mais um dos muitos desafios, mas estamos otimistas”- diz Ganso, que em cinco anos fez 22 gols em 219 jogos.

Ganso na vitória sobre o Bangu (2×0), em 22/02/2019

A CAMPANHA do campeão da Libertadores de 2023 foi baseada em números favoráveis: 8 vitórias, 3 empates, 2 derrrotas, saldo de 12 gols (24 a 12). Bom lembrar que as derrotas foram como visitante e a do jogo com o Strongest, na fase de grupos, a equipe entrou com reservas, exceção do goleiro Fabio. Já a LDU, campeã da Copa Sul-Americana: 7 vitórias, 5 empates, 2 derrotas, saldo de 15 gols (23 a 8).

O FLUMINENSE tentará vencer a LDU pela primeira vez em Quito, depois de três derrotas e um empate. A LDU venceu as duas decisões que disputou com o Fluminense, a da Libertadores de 2008, nos pênaltis, e a da Copa Sul-Americana de 2009 pelo placar agregado de 5 x 4. Bom lembrar: os oito jogos que disputaram foram pautados sempre por níveis técnico e disciplinar elevados.

O FLUMINENSE tem retrospecto aceitável nos 18 jogos que disputou na altitude: 9 vitórias, 3 empates, 6 derrotas, com 27 gols marcados e 23 sofridos. O de amanhã (22) será o 5º, em Quito, com a LDU: 0 x 0 e 2 x 4 em 2008; 1 x 5 em 2009; 1 x 2 em 2017. Em contrapartida, o Fluminense tem 100% de aproveitamento nos jogos com a LDU no Maracanã: ganhou os quatro.

PELA PRIMEIRA VEZ em 2024, o Fluminense usará no jogo de amanhã (22) com a LDU o patch (emblema) de campeão da Libertadores, o que deverá repetir no Fla-Flu do próximo domingo (25), que poderá ser decisivo para a conquista da Taça Guanabara. A única vez que o Fluminense usou o emblema foi na festa das faixas no Maracanã com o São Paulo, campeão da Copa do Brasil.

Fotos: Fluminense FC e Meu Flu