O CORINTHIANS venceu o Bragantino por 1 x 0, gol do atacante Gustavo Mosquito aos 31 minutos do 1º tempo, no último jogo da 24ª rodada, na noite de ontem (29), na Arena Corinthians, e empatou em pontos (42), vitórias (12), empates e derrotas (6), mas só manteve o 4º lugar. O 3º é do Fluminense, com mais saldo de gols (10 a 5).

FOI A 8ª VITÓRIA do Corinthians, 4º colocado, 7ª sem sofrer gol e 5ª por 1 x 0 no 12º jogo na Arena Corinthians, onde empatou três jogos e só perdeu (1 x 0) para o líder Palmeiras. Por sua vez, o Bragantino, 11º com 31 pontos, sofreu a 9ª derrota, 6ª como visitante, 3ª sem fazer gol e 1ª por 1 x 0.

O GOLEIRO CÁSSIO voltou a se destacar no Corinthians, que conseguiu o gol quando o jogo estava muito equilibrado e uma arrancada de Roger Guedes criou a chance para Gustavo Mosquito marcar aos 31 minutos. O volante Du Queiroz quase fez o 2º, ao acertar o travessão, e Cássio garantiu a vitória ao defender nos minutos finais as cabeçadas de Alerrandro e Luan Cândido.

CÁSSIO, Fagner, Balbuena, Gil e Lucas Piton (Fabio Santos); Du Queiroz (Bruno Mendez), Fausto Vera e Renato Augusto (Ramiro); Gustavo Mosquito (Cantillo), Yuri Alberto e Roger Guedes (Mateus Vital), o Corinthians que receberá domingo (4), o Internacional, ambos com 42, para o chamado jogo de seis pontos na 25ª rodada.

SÓ MESMO O FANATISMO da Fiel Torcida corintiana, em noite de sensação térmica de oito graus, atrair 36.484 torcedores: R$2.050.950,00. 36.228 pagantes na Arena Corinthians, em Itaquera, na Zona Leste da capital paulista. Boa arbitragem de Wilton Pereira Sampaio, que só fez duas advertências com cartão amarelo: Du Queiroz, do Corinthians, e Raul.

A SÉRIE A REGISTRA 551 GOLS EM 240 JOGOS, média de 2.31 gols por jogo. Palmeiras e Flamengo, ataques mais positivos (39), seguidos do Fluminense (38), que tem o artilheiro German Cano com 13, pressionado por Pedro Raul, do Goiás, com 12, e Jonathan Calleri, do São Paulo, e Bissoli, do Avaí, com 11.

Foto: Lance!