Em seu trigésimo clássico na Arena Corinthians – R$2.467.185,50 com 39.919 pagantes -, o Corinthians manteve o tabu de não perder para o Santos em semifinais e com a vitória (2 x 1) deste último domingo (31) de março, abriu vantagem do empate no jogo de volta, na segunda-feira (8), no estádio do Pacaembu. O Santos levará a decisão da vaga na final aos pênaltis, se ganhar por mais de um gol, e se vencer só por um gol decide nos pênaltis.

EM 28 MINUTOS – O clássico alvinegro paulista foi decidido em 28 minutos, com os dois primeiros gols, ambos de cabeça, em cinco minutos. O zagueiro Manoel se antecipou aos marcadores e completou logo aos três minutos a falta batida pelo meia equatoriano Sornoza, ex-Fluminense. Em outro lance de bola parada, o meia paraguaio Derlis Gonzalez aproveitou o escanteio da direita de Jean Mota, aos oito, e cabeceou no contrapé do goleiro Cassio. O gol da vitória foi de Clayson aos 31, após erro do zagueiro Luis Felipe, que tentou sair jogando com a cabeça.

CHOQUE FEIO – O lateral Danilo Avelar, do Corinthians, e o zagueiro Felipe Aguillar tiveram um choque feio ainda no primeiro tempo, com o jogo sendo interrompido para a entrada em campo da ambulância, que levou o jogador do Santos para o hospital. Submetido a exames, Felipe Aguillar foi liberado e os médicos informaram não ter havido gravidade na pancada que sofreu na cabeça. O jogo foi limpo e só três jogadores advertidos: Sornoza e Vanderlei, por atraso na reposição da bola, e Alison.

CORINTHIANS – Cassio, Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Júnior Urso, Sornoza (Richard) e Clayson (Mateus Vital); Vagner Love (Pedrinho) e Gustavo. Técnico – Fabio Carille. 

SANTOS – Vanderlei, Victor Ferraz, Felipe Aguillar (Lucas Veríssimo), Luis Felipe e Jonathan; Alison, Carlos Sanchez (Soteldo), Diego Pituca e Jean Mota; Cueva (Rodrygo) e Derlis Gonzalez. Técnico – Jorge Sampaoli.

TRÊS GOLS DE FRED – No jogo de ida das semifinais, no estádio Independência, o Cruzeiro contou com o brilho de Fred, que marcou três gols, nos 3 x 2 sobre o América, no primeiro clássico mineiro com árbitro de video. Fred fez de cabeça o gol único do primeiro tempo, aos 16, após cruzamento do lateral Egidio. Na volta do intervalo, Fred fez 2 x 0, aos seis, com assistência de Robinho.O América iniciou a reação com o gol de Jussani, de cabeça, após escanteio aos 12, mas foi travado pelo terceiro gol de Fred, aos 31. Sete minutos depois, Belusso usou a cabeça e fez o segundo do América aos 38. R$99.035,00. 6.746 pagantes. Boa atuação do árbitro Marcelo de Lima Henrique, da Federação do Rio, que revisou os cinco gols no VAR. O Cruzeiro pode perder o jogo de volta por um gol, domingo (7), no Mineirão.

A VOLTA DE GUERRERO – O Internacional deverá promover a estreia do atacante peruano Paolo Guerrero, ex-Flamengo, no jogo de volta das semifinais do Campeonato Gaúcho com o Caxias, no próximo sábado (6), dois dias depois do fim da suspensão de seis meses, sob alegação de uso de estimulantes. O Inter ganhou o jogo de ida (2 x 1), neste domingo (31), com os gols do meia Camilo, ex-Botafogo – o primeiro que marcou em 2019 -, e do uruguaio Jonathan Alvez, no estádio Centenário, em Caxias do Sul.
O atacante Foguinho, que marcou o gol do Caxias, foi o único advertido com cartão amarelo pelo árbitro Daniel Bins. Embora o estádio tenha sido reconstruído para a Copa do Mundo de 2014 e passado a ser chamado de Arena Beira Rio, o Internacional vai comemorar no próximo sábado (6) os 50 anos da inauguração. 

GRÊMIO EMPATA –Com os titulares poupados para o jogo da próxima quinta (4) com a Universidad Católica, no Chile, onde vai tentar a primeira vitória para sair do último lugar do Grupo H da Libertadores, o Grêmio ficou no 0 x 0 com o São Luis, no estádio 19 de outubro, na noite deste domingo (31), no jogo de ida das semifinais do Campeonato Gaúcho. No jogo de volta, domingo (7), na Arena Grêmio, o São Luis se classifica com empate com gol. 

MURALHA BRILHA – Emprestado pelo Flamengo, que paga 80% do seu salário, o goleiro Alex Muralha garantiu com grandes defesas a vitória (1 x 0) do Coritiba, neste domingo (31), sobre o Paraná Clube, e a classificação para as semifinais do campeonato com o Londrina. O jogo de ida será no próximo domingo (7) e Muralha quer completar o quarto jogo consecutivo sem sofrer gol.

TÉCNICO DEMITIDO – O Bahia anunciou na noite de ontem (31) a demissão do técnico Enderson Moreira, paulistano de 47 anos, que estava no clube desde junho de 2018. Ele comandou o time em 59 jogos – 22 vitórias, 19 empates, 18 derrotas – e sua saída teve muito da pressão dos torcedores, após a eliminação da Copa do Nordeste. O gaúcho Claudio Prates, de 53 anos, dirigirá a equipe no jogo de amanhã (2) com o CRB, em Maceió, pela terceira fase da Copa do Brasil e até outro técnico ser contratado.

NACIONAL – Na penúltima rodada da fase de grupos do Campeonato Amazonense, o Nacional – recordista de títulos estaduais – ganhou ontem (31) do Iranduba (2 x 0, gols de Léo Mineiro). Na última rodada, o clássico com o Rio Negro decidirá vaga nas finais, em que o Manaus FC, atual campeão, está garantido após os 2 x 1 sobre o Penarol, de Itacoatiara, em sua oitava vitória consecutiva.

Foto: Fox Sports