O CRUZEIRO MANTEVE a invencibilidade, mas perdeu os 100% de aproveitamento no Mineirão, depois de 12 vitórias, ao empatar (1 x 1) neste domingo (4) com o Criciúma, 9º colocado, com seu novo recorde de público: 58.702, superando os 58.397 da vitória (2 x 0) sobre o Sampaio Corrêa, em 22 de maio, na 8ª rodada. Foi o segundo empate no encerramento da 28ª rodada da Série B, que registrou 25 gols.

EMBORA INICIANDO com muita pressão para tentar decidir logo, o Cruzeiro foi bem contido pelo Criciúma, que abriu o placar aos 39 minutos. O gol do atacante paulista Hygor, aos 39 minutos, aumentou o nervosismo do Cruzeiro. Na volta do intervalo, o atacante Rafa Silva, que substituiu Luvannor, reclamou e foi expulso aos 4 minutos.

O CRUZEIRO SÓ CONSEGUIU o empate aos 46 minutos, quando Lincoln deu passe de calcanhar para Bruno Rodrigues deslocar o goleiro do Criciúma. Ronaldo Fenômeno, dono do futebol do Cruzeiro, que havia sido muito aplaudido ao sair do camarote no intervalo, deu um salto com os punhos cerrados para comemorar o gol de empate.

FALTANDO 10 RODADAS, o Cruzeiro lidera com 59 pontos, 17 vitórias, saldo de 22 gols, com ataque mais positivo (38) e defesa menos vazada (16). O Bahia é vice-líder com 50 pontos, 15 vitórias, saldo de 15 gols (33 a 18). O Grêmio, 3º, 47 pontos, 12 vitórias, saldo de 15 gols (32 a 17), e o Vasco, 4º, 45 pontos, 12 vitórias, saldo de 8 gols (30 a 22).

NA 29ª RODADA, líder e vice-líder jogarão 5ª feira (8): o Cruzeiro, no Mineirão, com o Operário, e o Bahia visita o Criciúma. A rodada será concluída domingo (11) com o confronto direto Grêmio x Vasco, em Porto Alegre. O jogo marcará a volta de Renato ao Grêmio e pode também ser o do retorno de Jorginho ao comando do Vasco.

O 5º COLOCADO é o Londrina, primeiro concorrente do Vasco, com 41 pontos, 11 vitórias, saldo de 2 gols (27 a 25), que receberá sábado (10) a Chapecoense, 14º com 32 pontos, no estádio do Café. O 6º colocado é o Sport, com 40 pontos, 10 vitórias, saldo de 2 gols (23 a 21), que jogará 4ª (7), em Campinas, com a Ponte Preta, 11º com 36 pontos.

APÓS 28 RODADAS, 527 gols em 280 jogos, média de 1.88 gols por jogo. Gabriel Poveda, do Sampaio Corrêa, lidera a artilharia com 13 gols. Diego Souza, do Grêmio, e Lucca, da Ponte Preta, têm 12.

fotos: Ramon Lisboa/EM/Press / Celso da Luz – Criciúma