Escolha uma Página

tudonoticia.org

Barcelona e Atlético de Madrid decidirão no primeiro domingo (7) de abril o título espanhol da temporada 2018-2019, com a lotação de 90 mil lugares do Camp Nou esgotada, e em torno de 500 milhões de torcedores assistindo ao vivo na televisão. A expectativa é dos jornalistas que analisam o campeonato e descartam todas as chances do Real Madrid, após a derrota (1 x 0) do último sábado (2) em seu próprio estádio, que o deixou a cinco pontos do vice-lider e a doze do líder.

COM MENOS UM – Mesmo com a expulsão do meia Koke, que deu as assistências para os gols de Alvaro Morata nos 2 x 0 deste domingo (3) sobre a Real Sociedad, diante de 26 mil torcedores, o Atlético de Madrid segurou a vantagem na meia hora final. Os gols do espanhol Morata, emprestado pelo Chelsea de Londres, foram de cabeça, aos 30 e aos 33 do primeiro tempo, após cruzamentos de Koke, expulso por falta dura, aos 18 do segundo tempo pelo árbitro José Luis Gonzalez, de 44 anos.

PRIMEIRA EM CASA – Foi a terceira vitória consecutiva do vice-lider Atlético de Madrid, que impôs à Real Sociedad, em oitavo com 35 pontos, a nona derrota, primeira no atual campeonato no estádio multiuso Anoeta, no município de San Sebastián, no País Basco. A vitória dos colchoneros como são tratados os jogadores do Atlético, também representou uma reabilitação para o time, que havia perdido três dos últimos quatro jogos como visitante.

SUBSTITUÍDO – O lateral-esquerdo Filipe Luis, de 33 anos, da seleção brasileira, foi substituído aos cinco do segundo tempo, com dores musculares na perna. O time do técnico argentino Diego Simeone, de 48 anos, fez apresentação segura: Jan Oblak, Juanfran, Gimenez, Godin e Filipe Luis (Santiago Arias); Koke, Rodri, Saul e Thomas; Griezmann eMorata, com os dois gols o segundo maior artilheiro da equipe no campeonato.

GOL BRASILEIRO – O carioca Rodrigo Moreno, de 27 anos, abriu o caminho para a vitória (2 x 0) do Valencia sobre o Atlético de Bilbao, neste primeiro domingo (3) de março, no estádio Mestalla, em Valencia. Ele marcou aos quatro do segundo tempo e o outro gol, aos 44, do meia franco-português Kevin Gameiro, de 31 anos. Foi apenas a sétima vitória do Valencia – time que mais empatou (15) -, sétimo com 36 pontos. O Atlético de Bilbao é décimo segundo com 39 pontos e sofreu a oitava derrota.

REBAIXAMENTO – Depois da quarta derrota consecutiva, o Valladolid – comprado pelo Ronaldo Fenômeno – se aproxima do rebaixamento a cada rodada. Na derrota (3 x 1) para o Espanyol, em Barcelona, o time sofreu o gol mais rápido do atual campeonato, marcado aos 17 segundos por Borja Iglesias. Embora tenha empatado ainda no primeiro tempo, levou mais dois na volta do intervalo, o segundo de Mario Hermoso e o terceiro de Wu Lei.

WU LEI, atacante de 27 anos, 1,74m, tornou-se o primeiro chinês a marcar um gol no Campeonato Espanhol. Comprado pelo megaempresário Chen Yansheng, dono do Grupo Rastar, que adquiriu 95% das ações do Espanyol, o atacante chinês estabeleceu o recorde mundial de mais jovem estreante no futebol aos 14 anos 287 dias e antes de ir para a Espanha, foi o maior artilheiro da Superliga da China com 102 gols. De 2006 a 2018 ele atuou no Shangai SIPG, marcando 169 gols em 344 jogos.

SHOW DO BARCELONA – As duas vitórias consecutivas do Barcelona no estádio do Real Madrid continuam repercutindo. Os jornais dão ênfase ao fato de ter sido o Barcelona o primeiro da história a conseguir esse feito, como destacou Mundo Deportivo: “Não há nem como discutir a superioridade”. “Baile do Barça” no Bernabeu – salientou Sport, jornal da Catalunha. As, outro jornal esportivo de muito prestígio, resumiu: “Barça deixa Madrid sem Copa e sem Liga”.

CUTUCADA – A maioria dos jornais espanhóis também aproveitou para dar uma cutucada no Real Madrid, diante do que classifica como “excesso de elogios sem tanto motivo”as atuações do atacante Vinícius Júnior. O jornal Sport, de Barcelona, publicou: “Muito barulho por nada, como sempre. É apenas um bom jogador, sem ser um fora de série, como querem alguns”.