Escolha uma Página

COM DOIS GOLS do atacante Danilo Bala, aos 44 e aos 49 minutos do 2º tempo da noite chuvosa de ontem (21), no gramado quase impraticável do estádio Antonio da Silva Mariz, o Marizão, também chamado de Bombonera do Sertão, o Sousa Esporte Clube, campeão paraibano de 1994 e 2009, eliminou o Cruzeiro, maior campeão com seis títulos da Copa do Brasil, que jogava pelo empate.

A ELIMINAÇÃO do Cruzeiro provocou milhares de memes nas redes sociais. Hulk, paraibano de Campina Grande, artilheiro e ídolo do Atlético Mineiro, fez postagem imediata, em tom bem irônico: “Parabéns pela classificação, Sousa, e pela bela festa no sertão da nossa Paraíba”. Enquanto o Sousa vai receber R$750 mil por passar de fase, o Cruzeiro vai deixar de ganhar R$1.470 mil.

O SOUSA ESPORTE CLUBE, de uniforme verde e branco, tem 32 anos, fundado na 4ª feira, 10 de julho de 1991, dia do aniversário do município de 223 anos (4/6/1800), a 432 km da capital João Pessoa. No mesmo ano da fundação, foi campeão da Série B, e em 1994, primeiro time do sertão, campeão estadual, e vice-campeão em 1995, 2012, 2021 e 2023.

O MASCOTE DO SOUSA é um dinossauro, inserido no escudo da camisa, porque o Parque Nacional do Vale dos Dinossauros, que conserva mais de uma centena de fósseis dos répteis, que viveram há mais de 200 milhões de anos, tratados como lagartos terríveis, representa o principal ponto turistico de Sousa, onde há também belos rios e cachoeiras de água transparente, sem nenhuma poluição.

DANILO BALA, de 30 anos (5/5/1993), autor dos gols do Sousa, na vitória da noite de ontem (21) sobre o Cruzeiro, é sergipano de Propriá, município a 98 km da capital Aracaju. Depois de oito anos, ele voltou a marcar gol em equipe da Série A. O Sousa é o 19º time da carreira de Danilo Bala, que só teve uma experiência internacional, em 2016, no PFC Montana, da Bulgária, a 107 km da capital Sófia.

A LOTAÇÃO DE 14 MIL lugares do estádio Marizão voltará a estar completa no próximo domingo (25), quando o Sousa entrará em campo, sob muitos aplausos, para o jogo da 6ª das 9 rodadas da primeira fase do Campeonato Paraibano de 2024, com o Treze, de Campina Grande. Ambos têm 6 pontos, menos 4 que o Botafogo, da capital João Pessoa, líder com 10.

PORTUGUESA ELIMINA AUDAX

COM A VANTAGEM do empate, por ser mais bem colocada no ranking da CBF, a Portuguesa eliminou o Audax, com o 0 x 0 de ontem (21), no estádio Elcyr Resende, em Saquarema, e terá o mando de campo, no estádio Luso Brasileiro, da Ilha, na Zona Norte do Rio, no jogo da segunda fase da Copa do Brasil, com o vencedor de Real Noroeste, do Espírito Santo, e Cuiabá, da capital do Mato Grosso.

O AUDAX É A MAIOR DECEPÇÃO do combalido Campeonato Carioca de 2024. Último dos 12, único que não conseguiu sequer um ponto e que perdeu todos os nove jogos, marcou apenas 1 gol e sofreu 14 gols. Em 2025 vai disputar a Série B do Rio de Janeiro.

Fotos: Reprodução, AAP e Portal Vale Notícias