Edu Coimbra, maior ídolo da história do América FC, que defendeu de 1966 a 1974, com 212 gols em 402 jogos, passa o último fim de semana de setembro em São João da Barra e aproveita para relembrar boas histórias. Uma delas, a da única derrota (3 x 1) que o América impôs ao Vasco, campeão carioca de 70, no jogo do turno.

EDU VISITOU o Fluminense, clube mais antigo de São João da Barra, fundado em 1943, que participa de competições amadoras. Entre os amigos de Edu, no Norte do estado, o ex-atacante Sena, que começou no São Cristóvão e jogou no América, ao voltar do Atlético de Madrid.

EDU COIMBRA  vê com entusiasmo o desenvolvimento do futebol de São João da Barra, de onde também saiu para brilhar no América o ex-atacante Cesar Martins Oliveira, depois autor do gol do título da primeira Libertadores que o Grêmio ganhou em 1983 e que brilhou no futebol português com a camisa do campeão Benfica.

Na foto de ontem (27),Edu CoimbraFabio Menezes e Jorge Luis Senana sede do Fluminense, o clube mais antigo de São João da Barra, município que em 2020 vai comemorar 170 anos de fundação.