Maior campeão da Copa do Brasil com seis títulos, o Cruzeiro demitiu o técnico Felipe Conceição, assim que ele entrou no vestiário, eliminado na terceira fase, após a derrota da noite de ontem (9) para a Juazeirense por 3 x 2 nos pênaltis, no estádio Adauto Moraes, em Juazeiro, no interior da Bahia, a 502 km da capital Salvador. Felipe Conceição, de 41 anos, é de Nova Friburgo, foi atacante do Botafogo e dirigiu o Cruzeiro em 19 jogos, com 8 vitórias, 8 derrotas, 3 empates.

CINCO EM SEIS – O Cruzeiro sofreu a quinta derrota nos últimos seis jogos, e a eliminação da Copa do Brasil, depois vencer (1 x 0) no Mineirão e perder (1 x 0) na noite de ontem (9), em Juazeiro, foi nos pênaltis (3 x 2), agravando ainda mais a situação do clube, que também tenta voltar à Série A em 2022. Último entre os vinte do Campeonato Brasileiro da Série B, é o único ainda sem pontuar, após as derrotas para o Confiança (3 x 1) e o CRB (4 x 3). 

OS NOMES – São vários os nomes falados, mas ainda sem consenso. O clube pensa em Vanderlei Luxemburgo, que em 2003, ganhou a histórica Tríplice Coroa – Campeonato Mineiro, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil -, e dos treinadores mais recentes, o nome de Mozart Santos, que estava na Chapecoense, também é visto com simpatia. O Cruzeiro pretende anunciar ainda nesta quinta (10) o novo nome e dar apoio total ao técnico.

OUTRO ELIMINADO – A noite do futebol mineiro na Copa do Brasil não foi ruim só para o Cruzeiro, mas também para o vice-campeão América, do técnico gaúcho Lisca, semifinalista pela primeira vez em 2020. América e Criciúma empataram (0 x 0) no estádio Independência, em Belo Horizonte, e após 2 x 2 na noite de ontem (9), no estádio Heriberto Hulse, decidiram nos pênaltis. O Criciúma, do técnico Paulo Baier, venceu (3 x 2) e está nas oitavas de final.

VAGA DO FURACÃO – Depois de 1 x 1 no jogo em Florianópolis, o Athletico, campeão paranaense, se classificou às oitavas de final da Copa do Brasil, ao vencer (1 x 0) o Avaí, campeão catarinense, na noite de ontem (9), na Arena da Baixada, em Curitiba. O gol foi o mais rápido da Copa do Brasil 2021, marcado aos 33 segundos pelo atacante paulista Vitinho, de 21 anos. As oitavas de final serão entre os dias 28 de julho e 4 de agosto, data marcada para o sorteio dos jogos.

FLAMENGO ESTREIA – Cinco jogos serão realizados na noite de hoje (10), destacando-se a estreia do Flamengo com o Coritiba, no estádio Couto Pereira. O time será dirigido pelo assistente Maurício de Sousa porque o técnico Rogerio Ceni foi diagnosticado com a Covid-19 e está em isolamento, assim como o meia Arrascaeta. A escalação não foi anunciada, mas pode ter a volta do lateral Rodinei, que estava emprestado ao Internacional.

DEFINIÇÃO – Nos outros quatro jogos da noite, definição de vagas para as oitavas de final. O Grêmio, segundo maior campeão com cinco títulos, pode perder por um gol para o Brasiliense, no Distrito Federal, depois de vencer (2 x 0) em Porto Alegre. O Atlético também pode perder do Remo por um gol, no Mineirão, depois de ganhar por 2 x 0 em Belém. Ceará e Fortaleza terão que vencer ou decidir em pênaltis, após 1 x 1 no primeiro jogo na Arena Castelão. 

NOVO TÉCNICO – Contra o Internacional, o Vitória tentará a vaga para as oitavas de final com a orientação de novo técnico: Ramon Menezes, que dirigiu o Vasco no início do ano, e é um dos maiores ídolos do rubro-negro baiano. O primeiro jogo, em Salvador, foi 1 x 1. Outro empate hoje (10), em Porto Alegre, leva a decisão aos pênaltis. O assistente Martin Anselmi dirigirá o Internacional porque o técnico espanhol Miguel Ángel Ramirez contraiu Covid-19.

Foto: JM Online