COM A 5ª VITÓRIA CONSECUTIVA, que não conseguiu ao ganhar o último título brasileiro em 2020, o Flamengo chegou ao 3º lugar com 36 pontos, ao vencer o São Paulo por 2 x 0, diante de 45.217 pagantes, no estádio do Morumbi, no último jogo da noite de ontem (6), pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

MESMO SÓ COM O GOLEIRO SANTOS como titular, o Flamengo dominou o 1º tempo e fez o 1º gol logo aos 7 minutos, com o atacante Lázaro completando de cabeça o cruzamento do lateral Ayrton Lucas, com desvio de Victor Hugo. Bem marcado, o São Paulo não conseguiu espaço para atacar e ameaçar.

NA VOLTA DO INTERVALO, o meia chileno Arturo Vidal foi o único a não gostar de ter sido substituído. Diego, Victor Hugo, Cebolinha e Marinho também saíram e o que mais aproveitou foi Gabriel, que marcou o 2º gol aos 49 minutos, consolidando a 11ª vitória do time, em plena ascensão no início do segundo turno.

O FLAMENGO, COM 36 PONTOS, está a 6 do líder Palmeiras, com 42, que joga em casa, neste domingo (7), com o Goiás, e a 3 do vice-líder Corinthians, com 39, que empatou com o Avaí. O Flamengo só sai do 3º lugar se o Fluminense, 4º com 35, vencer o Cuiabá neste domingo (7), no Maracanã.

O FLAMENGO TAMBÉM não continuará em 3º, se o Athletico Paranaense, 5º com 34, vencer o Atlético, no Mineirão. 6º com 33, o Internacional, se vencer o Fortaleza, na Arena Castelão, se igualará em pontos ao Flamengo, que tem mais vitórias. Time com mais empates (11), o São Paulo caiu para o 11º lugar, com 26 pontos, após a 5ª derrota.

O FLAMENGO DA 11ª VITÓRIA, 5ª consecutiva, 3ª sem sofrer gol: Santos, Mateuzinho, Pablo, Fabrício Bruno e Ayrton Lucas; Arturo Vidal (Tiago Maia), Diego (João Gomes) e Victor Hugo (Everton Ribeiro); Marinho (Gabriel), Lázaro e Cebolinha (Arrascaeta). Apesar da noite fria em São Paulo, R$2.723.851,00.

CORINTHIANS SÓ EMPATA COM AVAÍ

COM A VOLTA DO MEIA Renato Augusto, afastado por contusão desde junho, e sem poupar titulares para o jogo de volta das quartas de final da Libertadores com o Flamengo, 3ª feira (9), no Maracanã, o Corinthians só conseguiu empatar (1 x 1) com o Avaí, na noite de ontem (6), no estádio da Ressacada, em Florianópolis.

16º COM 22 PONTOS, O AVAÍ abriu o placar aos 35 minutos, com o 10º gol de Bissoli, 3º artilheiro do campeonato, convertendo pênalti do zagueiro paraguaio Fabian Balbuena, emprestado pelo Dínamo da Ucrânia, no atacante William Pottker. Balbuena se redimiu no 2º tempo e empatou de cabeça aos 32 minutos, escorando cruzamento de Renato Augusto.

O CORINTHIANS termina a 21ª rodada na vice-liderança com 39 pontos, mas pode ficar a seis pontos do líder, se o Palmeiras, com 42, confirmar o favoritismo e vencer o Goiás, na tarde de hoje (7), no Allianz Parque. 3ª (9), no Maracanã, o Corinthians terá que vencer o Flamengo por três gols ou por dois para decidir nos pênaltis a vaga para as semifinais da Libertadores.

ATLÉTICO GOIANIENSE VENCE BRAGANTINO

DEPOIS DE SETE JOGOS, o Atlético Goianiense voltou a vencer no Campeonato Brasileiro, mas o 2 x 1 da noite de ontem (6), no Bragantino, no estádio Antonio Accioly, em Goiânia, não foi suficiente para tirá-lo do grupo dos quatro rebaixados.O Atlético é o 18º com 20 pontos. O Bragantino é o 8º com 30 pontos.

MUITO BEM NA COPA DO BRASIL, em que venceu o Corinthians por 2 x 0 no jogo de ida, e na Copa Sul-Americana, em que ganhou do Nacional por 1 x 0 no Uruguai, o Atlético, do técnico carioca Jorginho, lateral campeão do mundo em 94, ainda não conseguiu se firmar no Campeonato Brasileiro.

OS GOLS DA VITÓRIA da noite de ontem (6), em Goiânia, foram marcados no 2º tempo. O meia Marlon Freitas, capitão do time, marcou o primeiro, de fora da área, logo aos 7 minutos, e o atacante argentino Diego Churin, fez 2 x 0, aos 15, completando de cabeça o escanteio de Wellington Rato. Aos 41, o lateral Luan Cândido fez o gol do Bragantino.

Foto: Caio Rocha