Citando fonte próxima do técnico Jorge Jesus, o jornal A Bola, de Lisboa, destaca na edição de hoje (14), que o Flamengo está tentando patrocínio para cobrir as despesas de uma pré-temporada em Portugal, mesmo ainda sem saber quando voltará a jogar. O último jogo que realizou foi no sábado, 14 de março, no Maracanã, ganhando (2 x 1) de virada da Portuguesa, nos minutos finais, pela Taça Rio.

PREOCUPAÇÃO – A mesma fonte revela que a preocupação dos dirigentes do Flamengo aumenta muito a cada dia, sem definição da retomada do calendário de jogos, porque as despesas do clube são elevadas, principalmente com o futebol. Além de não ter a receita de bilheteria, a inadimplência dos sócios-torcedores cresce e as dívidas se avolumam.

RENOVAÇÃO – Outra preocupação do clube é com a renovação do contrato do técnico, que se mostra pouco sensibilizado em manter as condições do primeiro contrato que assinou. O clube está pressionado, principalmente porque o compromisso com o técnico é de pagar em euros e a cotação da moeda disparou, fechando ontem (13) a 6 reais e 36 centavos.

PAGAMENTO – O Flamengo abriu canal de negociação com o Atlhetico Paranaense para acertar novos prazos de pagamento da dívida pela compra do zagueiro Leo Pereira, de 24 anos, após vender Pablo Marí ao Arsenal. Leo Pereira foi comprado por sete milhões de euros – hoje mais de R$42 milhões -, dia 28 de janeiro, e o Flamengo atrasou a parcela de R$3.500 mil, que deveria ter pago em abril.

Foto: Gazeta Esportiva