Escolha uma Página

AO ENFRAQUECER a equipe, tirando os principais jogadores para a segunda rodada do Campeonato Carioca, a cada ano mais insosso, o Flamengo se autoeliminou da Copa São Paulo, com a derrota da noite de ontem (22) para o Cruzeiro por 2 x 1, na Arena Barueri. Com a equipe completa, o Flamengo havia ganhado os quatro jogos.

O FLAMENGO repetiu o erro do ano passado, quando também foi eliminado. Os gols foram no 2º tempo, com o zagueiro Bruno Alves, de cabeça, aos 5, e Weliton empatando aos 13 para o Flamengo. O gol que levou o Cruzeiro à final foi de Gui Meira, aos 25, convertendo pênalti cometido pelo zagueiro Iago com o cotovelo na cara de Pedro.

17 ANOS DEPOIS, o Cruzeiro tenta o segundo título, após vencer o São Paulo (6 x 5 nos pênaltis), na decisão de 2007. Antes, o Cruzeiro havia perdido as finais de 1996 para o América Mineiro e de 2002 para a Portuguesa de São Paulo. É a primeira decisão do Cruzeiro desde que Ronaldo Fenômeno assumiu o futebol do clube.

O CRUZEIRO decidirá a 54ª Copa São Paulo com o Corinthians, maior campeão com 10 títulos, mas que não disputava a decisão desde 2017, quando venceu o Batatais (2 x 1). Na outra semifinal da noite de ontem (22), jogando em sua Arena, o Corinthians venceu o Novorizontino (3 x 0), com todos os gols de Artur Sousa.

A REFORMA DO PACAEMBU não ficou pronta, o que deve levar a decisão de 5ª feira (25), dia do aniversário de 470 anos da capital paulista, para a Arena Corinthians. Pela 18ª vez, em 54 decisões, a final da Copa São Paulo de 2024 não será no Pacaembu, inaugurado em 1940 e até 1960 o maior da capital.

Foto: Radio Itatiaia e Lance!