Escolha uma Página

O FLAMENGO ESTREOU COM VITÓRIA por 2 x 1 sobre o Atlético Goianiense, na tarde deste domingo (14), no estádio Serra Dourada, em Goiânia, em jogo muito tumultuado, com três expulsões, sete cartões amarelos e falta de critério do árbitro mineiro André Luiz Bento, dois dias antes de completar 30 anos (16/4/94).

LOGO AOS 11 MINUTOS, o árbitro expulsou Jair Ventura, técnico do Goiás, que reclamou com o quarto árbitro, Gustavo Bauerman, da não marcação de uma falta do volante Erick. A expulsão provocou revolta até no técnico Tite, que antes do jogo havia trocado faixas de campeão estadual com Jair Ventura.

QUASE CINCO ANOS após o último jogo da Série A, Goiás 3 x 2 Grêmio, em 8 de dezembro de 2019, o estádio Serra Dourada foi reaberto para a divisão principal do Campeonato Brasileiro, com o gramado em condições impróprias. Atlético e Flamengo não puderam desenvolver o futebol técnico à altura de suas equipes.

NO GOL DO 1º TEMPO, o primeiro do uruguaio De La Cruz pelo Flamengo, aos 47 minutos, a primeira expulsão, do zagueiro Alix Vinícius, que era o último homem, pela falta dura em Pedro, na entrada da área. De La Cruz caprichou, e com toque de alta categoria, mandou no ângulo direito do goleiro Ronaldo.

DE LA CRUZ desenvolveu a técnica de cobrança de faltas no River Plate, onde se destacou em 214 jogos, com 36 gols e 40 assistências. Campeão argentino em 2021 e 2023; da Libertadores e da Recopa Sul-Americana de 2018, figura entre os 10 mais valorizados do Campeonato Brasileiro de 2024.

NA VOLTA DO INTERVALO, mesmo com 10, o Goiás chegou ao empate, aos 18 minutos, com o cruzamento do lateral Maguinho e a cabeçada do atacante Luis Fernando, que se antecipou a Ayrton Lucas, deslocado para a lateral-direita, devido à febre do uruguaio Varela, vetado na revisão médica, horas antes do jogo.

O FLAMENGO ESCAPOU da virada aos 23, quando o meia Shaylon não aproveitou o pênalti de Leo Pereira em André Luis, acertando a trave direita. O Goiás teve gol anulado de Baralhos, aos 37, por impedimento de Emiliano, e aos 52, Pedro fez o da vitória, batendo o pênalti de Maguinho, expulso pela cotovelada em Bruno Henrique. O 2º tempo teve 13 minutos de acréscimos.

O FLAMENGO DA ESTREIA com vitória no Brasileiro de 2024: Agustin Rossi, Ayrton Lucas, Fabricio Bruno, Leo Pereira (Carlinhos) e Matias Viña (Gerson); Erick, De La Cruz (Lorran) e Arrascaeta; Luis Araújo (Victor Hugo), Pedro e Cebolinha (Bruno Henrique). Carlinhos, vice-artilheiro do Carioca pelo Nova Iguaçu, estreou. Gerson reapareceu após cirurgia renal.

ATLÉTICO GOIANIENSE 1 x 2 FLAMENGO registrou R$4.469.095,00. 31.617 pagantes. Foi a 10ª vitória do Flamengo em 17 jogos do Campeonato Brasileiro com o Atlético Goianiense, que venceu três e empatou quatro. Os dois próximos jogos do Flamengo serão com paulistas, 4ª (17), com o São Paulo, no Maracanã, e domingo (21), com o Palmeiras, no Allianz Parque.

Fotos: Marcelo Cortes / CRF, UOL e ESPN Brasil