EM SUA MELHOR EXIBIÇÃO, DAS 15 COMO VISITANTE, O FLAMENGO ASSUMIU A VICE-LIDERANÇA ao golear o São Paulo por 4 x 0, na tarde de ontem ( 14 ), diante do maior público no Morumbi, após a pandemia: 47.855 pagantes. Ao marcar o 3º e 4º gols, e completar 100 jogos com a camisa rubro-negra, Michael tornou-se o novo artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2021, com 13, ultrapassando Gilberto, do Bahia, e Hulk, do Atlético Mineiro, com 12.

FULMINANTE – O Flamengo teve o início mais fulminante em seus 31 jogos, com Gabriel marcando aos 23 segundos, com assistência de Bruno Henrique, o segundo gol mais rápido do campeonato, só menos 9 segundos que o de Raphael Veiga, do Palmeiras, aos 14 segundos, no 2 x 0 no Grêmio. Quando o São Paulo tentou respirar, Bruno Henrique recebeu assistência de Michael e marcou o segundo gol aos três minutos.

ANTES DA SAÍDA para o intervalo, Michael fez 3 x 0 aos 42 minutos, com bela finalização no ângulo, arriando os quatro pneus do São Paulo, que acabaria por sofrer a derrota mais contundente, desde a volta de Rogerio Ceni. O início do segundo tempo não foi diferente, e logo aos 10 minutos, Michael recebeu a ação de retorno de Bruno Henrique, com preciosa assistência, para fechar a goleada e o placar agregado de 9 x 1 (no turno, Flamengo 5 x 1 no Maracanã).

OITO PONTOS – Com a 18ª vitória, 7ª como visitante, 4ª sem sofrer gol, o Flamengo diminuiu para oito pontos a vantagem do Atlético Mineiro: 68 a 60, ambos com 31 jogos, e também de vitórias, primeiro item de desempate: 21 a 18. Com o ataque mais positivo (61, média de 1.96 por jogo), o Flamengo também tem vantagem sobre o Atlético (50, média de 1.61 por jogo), no saldo de gols (33 a 28), segundo item de desempate.

NÚMEROS DE RENATO – Quando o novo artilheiro Michael fechou a goleada no Morumbi, os números do técnico Renato Portaluppi dispararam: 23 vitórias em 34 jogos, 82 gols marcados – média de 2.4 gols por jogo -, 27 gols sofridos (0,7 por jogo). Desde que assumiu, em 16 de setembro, Renato só perdeu 4 jogos (sem fazer gol em 2) e empatou 7, mesmo sem contar, em vários dos últimos jogos, com a maioria dos titulares, por suspensão ou contusão.

NOVOS CASOS – O Flamengo pode ficar sem Rodrigo Caio na decisão da Libertadores. Ele sentiu a panturrilha e foi substituído aos 34 do primeiro tempo. David Luiz, atingido por falta grosseira e maldosa do atacante argentino Calleri, bem expulso aos 10 do primeiro tempo, deve se recuperar bem. O Flamengo venceu 3 jogos e empatou 2 da maratona de 9 jogos em 25 dias, que prosseguirá 4ª ( 17 ), no Maracanã, com o Corinthians e sábado ( 20 ) com o Internacional.

ARBITRAGEM – Leandro Pedro Vuaden, de 45 anos, gaúcho de Roca Sales, tem sabido se manter entre os melhores da sua geração. Usa bem a energia, impondo-se com segurança. Foi firme na expulsão do atacante Calleri, mas ainda assim recorreu à revisão no VAR, como se costuma dizer, por um desencargo de consciência. Correto também na aplicação dos cartões amarelos em Mateuzinho, por falta dura em Reinaldo, aos 27, e em Shaylon, por falta dura em Rodinei, aos 42.

Foto: F@alexandrevidalfotografo / CRF