Escolha uma Página

O FLUMINENSE, já classificado, precisou de duas viradas para vencer o Alianza Lima por 3 x 2, na noite de ontem (29), no Maracanã, e terminar invicto na liderança do Grupo A, com o direito de ser mandante nos jogos de volta do mata-mata das oitavas de final da Libertadores, a partir de agosto.

QUATRO DOS CINCO gols foram marcados no início de cada tempo. O argentino Adrian Arregui fez 1 x 0, aos 7, e na volta do intervalo, Keno empatou aos 2, e o colombiano Kevin Serna fez a primeira virada, aos 5. Marcelo empatou aos 7, e a virada final só veio aos 36 com o gol de Kennedy.

FOI O PRIMEIRO JOGO em que o Fluminense marcou três gols e sofreu dois, na fase de grupos da Libertadores, depois de 2 x 1 no Colo-Colo e no Cerro Porteño, no Maracanã, e de 1 x 1 com o Alianza, 0 x 0 com o Cerro Porteño e 1 x 0 no Colo-Colo como visitante. Fluminense e Palmeiras, únicos brasileiros invictos na fase de grupos.

O TIME DA VIRADA: Fabio, Guga (Marquinhos), Martinelli, Felipe Melo (Marlon) e Marcelo, o melhor do jogo; Alexsander (Ganso), Lima e Keno (Douglas Costa); Arias, Cano (Renato Augusto) e Kennedy. O técnico Fernando Diniz melhorou o rendimento da equipe com as três substituições no intervalo.

FLUMINENSE 3 x 2 ALIANZA LIMA registrou na noite de ontem (29), no Maracanã, R$1.366.136,00. 38.404 pagantes. O sorteio dos jogos do mata-mata das oitavas de final da Libertadores será na próxima 2ª feira (3), na sede da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), em Luque, no Paraguai.

NA RETOMADA do Campeonato Brasileiro, o Fluminense, 17º com 5 pontos, só uma vitória em seis jogos e saldo negativo de 4 gols (8 a 12), tenta sair do rebaixamento, sábado (1), no Maracanã, no jogo com o Juventude, 15º com 5 pontos, 1 vitória, 2 empates, 1 derrota, saldo negativo de 2 gols (5 a 7).

SÃO PAULO LÍDER PELO SALDO

O SÃO PAULO tirou a invencibilidade do Talleres, de Córdoba, não só na fase de grupos da Libertadores, mas de 17 jogos do time argentino, com a vitória por 2 x 0 na noite de ontem (29), no Morumbi, e se classificou em 1º no Grupo B. Lucas Moura, de pênalti, e Luciano marcaram os gols da 100ª vitória do tricolor paulista, três vezes campeão da Libertadores. R$5.153.140,00. 56.162 pagantes.

O SÃO PAULO e o Talleres terminaram com 13 pontos, 4 vitórias, 1 empate, 1 derrota, mas o São Paulo ficou com o 1º lugar do Grupo B pelo saldo de 3 gols (7 a 4), marcando 10 e sofrendo 3, enquanto o Talleres fez 10 e sofreu 6 gols.

NA CAMPANHA, o São Paulo não sofreu gol no Morumbi: 2 x 0 no Cobresal do Chile, 0 x 0 com o Barcelona do Equador e 2 x 0 no Talleres. Como visitante, o São Paulo só perdeu para o Talleres (2 x 1), vencendo o Barcelona 2 x 0 e o Cobresal (3 x 1).

Fotos: Marcelo Gonçalves e Lucas Merçon/FFC