Escolha uma Página

A INICIATIVA DO FLUMINENSE, aprovada por Flamengo e Palmeiras, campeões das últimas cinco Libertadores decididas em jogo único, está sendo encaminhada pela Confederação Sul-Americana de Futebol à Fifa, para que sejam cabeças de chave do 1º Super Mundial de Clubes, com 32 times, em 2025, nos Estados Unidos.

O MUNDIAL DE CLUBES DE 2025, primeiro com 32 times, será disputado de 15 de junho a 15 de julho, nos Estados Unidos, sede no ano seguinte (2026) da primeira Copa do Mundo com 48 seleções, divididas em oito grupos de quatro. O 1º Super Mundial terá o formato da Copa do Mundo, e como tal, de quatro em quatro anos.

COMO A EUROPA terá o dobro de vagas da América do Sul (12 a 6), o Fluminense, campeão de 2023; o Flamengo, campeão de 2019 e 2022, e o Palmeiras, bicampeão de 2020-2021, querem que o campeão da Libertadores de 2024 também seja cabeça de chave. Dez dos doze times da Europa estão já com vaga assegurada.

A PROPOSTA DOS TRÊS últimos campeões da Libertadores tem o objetivo de evitar que entrem no mesmo grupo dos gigantes do futebol mundial, tratados como as grandes potências. São os casos dos mais recentes campeões, Manchester City e Real Madrid, o maior vencedor da Liga dos Campeões da Europa com 14 títulos.

VENCEDORES DAS TRÊS últimas Champions, Chelsea, Real Madrid e City, e outros sete europeus estão garantidos no Mundial de 2025: Bayern Munique, PSG, Inter de Milão, Benfica, Porto, Juventus e Borussia Dortmund, assim como os campeões da África, Ásia, América Central, Oceania e um representante do país-sede.

A PRETENSÃO DO FLUMINENSE, Flamengo e Palmeiras pode não ser aceita pela Fifa, que vê o futebol com os olhos financeiro e político. Atender aos três brasileiros, com certeza contrariaria os interesses de clubes de outros continentes, que também se julgariam com o mesmo direito e se sentiriam desprestigiados.

BOM DIZER: EM DEZEMBRO DE 2024 haverá a 1ª edição da Copa Intercontinental da Fifa, com os seis ganhadores dos campeonatos continentais de cada Confederação jogando entre si, em eliminatórias simples. As primeiras rodadas no estádio de uma das equipes, e as rodadas seguintes em estádio neutro.

A 1ª COPA INTERNACIONAL DA FIFA substituirá a versão anual do Mundial de clubes, que a própria Fifa promove desde 2000, quando o Corinthians venceu o Vasco, nos pênaltis, no Maracanã. E a partir de 2025, como já ficou decidido desde novembro de 2023, o Mundial de clubes com 32 times. Vamos correr a sacolinha.

Fotos: Lance! e UEFA