Escolha uma Página

COM A DERROTA para o Vitória por 1 x 0, na noite desta 5ª feira (27), no Maracanã, o Fluminense segue em último, com 6, dos 36 pontos disputados, após a única vitória – 2 x 1 no Vasco, em 20 de abril, na 3ª rodada -, 3 empates e a 8ª derrota, 2ª consecutiva como mandante, 5ª sem fazer gol.

NO PRIMEIRO JOGO sem Fernando Diniz, o auxiliar Marcão, interino pela quarta vez, não conseguiu melhorar o rendimento, mesmo usando as cinco substituições, e o time voltou a decepcionar, com poucas e más finalizações, no 10º jogo de Cano sem gol. O mesmo de 44 gols em 2022, e de 40 em 2023.

JANDERSON, de 25 anos, fluminense de São João de Meriti, reforço mais caro do ano, comprado do Botafogo por R$5 milhões, fez o gol. Ele concluiu com chute cruzado, aos 44 do 2º tempo, a arrancada do próprio campo, do meia Zé Hugo, após passar por três marcadores. Os dois saíram da reserva aos 25.

COM A 3ª VITÓRIA, 1ª como visitante, depois de 3 derrotas e 2 empates, o Vitória saiu do rebaixamento, de 17º para 15º, com 12 pontos, o que respingou no Vasco, que caiu de 15º para 16º com 10 pontos, também com 3 vitórias, mas com o pior saldo negativo (-12), após a 12ª rodada.

FLUMINENSE E VASCO são os que mais perderam (8), mas o Vasco marcou mais 2 gols (12 a 10), e o Fluminense, menos 4 gols sofridos (20 a 24). Embora ainda faltem 26 jogos, Fluminense e Vasco estão já com a calculadora na mão.

O FLUMINENSE terá que reagir nos sete jogos restantes do turno, com Grêmio, Fortaleza, Criciúma e Cuiabá, e em casa com Inter, Athletico e Palmeiras, para evitar o desespero no returno. Vai precisar de 40 dos 78 pontos que disputará nos 26 jogos, ou seja, vencer pelo menos a metade (13) dos jogos.

GRÊMIO E FLUMINENSE enfrentarão domingo (30), na Serra gaúcha, tentando o início da reação, embora a vitória ainda não os livre do rebaixamento. O Grêmio é 19º com 7, e o Fluminense, 20º com 6. Bom lembrar: ambos foram duas vezes rebaixados, o Fluminense, em 96 e 97, e o Grêmio, em 91 e 2004.

O TIME LANTERNA da 8ª derrota: Fábio, Samuel Xavier, Antonio Carlos, Tiago Santos e Marcelo (Diogo Barbosa); Martinelli (Renato Augusto), Gabriel Pires (Alexsander) e Ganso (Kennedy); Terans, Cano e Keno (Douglas Costa).

FLUMINENSE 0 x 1 VITÓRIA registrou R$1.207.786,00. 22.574 pagantes. O árbitro paulista Flavio Rodrigues de Souza teve atuação correta.

Fotos: Victor Ferreira/EC Vitória