O Fluminense manteve a invencibilidade, mas caiu duas posições, após o 1 x 1 deste domingo (20) com o Fortaleza, na Arena Castelão, terminando a quinta rodada em sexto lugar com nove pontos. O empate tirou o Fortaleza da liderança, agora em poder do Athletico Paranaense, que ganhou de virada (2 x 1) do Atlético Goianiense, e é o novo líder, com 12 pontos, mais um ponto que o Fortaleza, e com menos um jogo. Único 100%, o Furacão venceu os quatro jogos.

EMPATE JUSTO – O Fluminense saiu na frente, mas pela quinta rodada consecutiva só conseguiu fazer gol no segundo tempo. Caio Paulista usou a cabeça aos sete minutos, após o escanteio de Nenê e o desvio de Nino, para abrir o placar. Robson empatou aos 24, com assistência de Pikachu, que voltou a ser o melhor do time vice-líder, em jogo equilibrado e com resultado justo. O Fluminense é um dos quatro invictos, com duas vitórias e três empates, saldo de 2 gols (5 a 3).

14 SEM PERDER – Com o sexto empate entre o final de 2020 e o semestre de 2021, o Fluminense completou 14 jogos sem perder, com 8 vitórias, 21 gols marcados e 8 sofridos. No Brasileiro 2021, terceiro empate como visitante – 0 x 0 com São Paulo, 2 x 2 com Bragantino e 1 x 1 com Fortaleza – e vitórias por 1 x 0, no Maracanã, sobre Cuiabá e Santos. O próximo jogo será quarta (23) com o Atlético Goianiense, no estádio Antonio Accyoli, em Goiânia.

MARCOS FELIPE, Calegari, Nino, Lucas Claro e Egídio; Martinelli, André (Wellington) e Nenê (Luis Henrique); Caio Paulista (Kayky), Fred (Abel Hernandez) e Gabriel Teixeira (Juan Cazares) – o técnico Roger Machado exaltou a atuação de André, mesmo há três meses sem jogar, e disse que o meia está cotado para se manter na equipe. Roger admitiu que o time melhorou no segundo tempo, mas criticou o recuo depois do gol, limitando-se aos contra-ataques.

NOVO LÍDER – Com a quarta vitória consecutiva e menos um jogo, o Athletico Paranaense assumiu a liderança com 12 pontos, com a virada (2 x 1) sobre o Atlético Goianiense, na Arena da Baixada, em Curitiba. Gabriel fez o gol do Atlético Goianiense aos 13, Mateus Babi, ex-Botafogo, empatou aos 43, e na volta do intervalo, Christian fez o gol da virada aos 26 minutos. Dirigido pelo técnico português Antonio Oliveira, o Athletico tem saldo de seis gols (7 a 1).

OUTRA VIRADA – O Palmeiras subiu ao quarto lugar com 10 pontos, na virada (2 x 1) sobre o América Mineiro, penúltimo com um ponto, na Allianz Arena, em São Paulo. Geovane fez o gol do América aos 37, e ainda no primeiro tempo, Willian marcou os gols do Palmeiras, aos 38 e aos 45, que chegou à terceira vitória consecutiva. O técnico paulista Vagner Mancini, recém saído do Corinthians, assistiu, e será apresentado nesta segunda (21) aos jogadores do América.

SEIS SEM VENCER – O Internacional igualou 2016, ano em que caiu para a Série B, ao completar seis jogos sem vencer na Arena Beira Rio (4 derrotas, 2 empates). O técnico uruguaio Diego Aguirre, de 55 anos, viu o time empatar (1 x 1) com o Ceará, e vai assumir com dois jogos fora de casa: quinta (24) com a Chapecoense e domingo (27) com o América Mineiro. O meia Edenilson fez de pênalti o gol do Inter, aos 7, e Lima, de falta, marcou o do Ceará, aos 44 do primeiro tempo. 

SANTOS VENCE – Com os 2 x 0 sobre o São Paulo, na Vila Belmiro, o Santos conseguiu a segunda vitória e terminou a quinta rodada em nono, com sete pontos, ultrapassando o Flamengo, décimo com seis pontos. Foi a primeira vitória do time em clássicos em 2021, com os gols de Marinho aos 27 e Gabriel Pirani aos 44 do primeiro tempo. Sem vitória em cinco rodadas, o São Paulo é antepenúltimo com dois pontos. 

SEXTO 0 x 0 – Bahia e Corinthians pouco atacaram e o sexto empate sem gol se ajustou ao desempenho ruim que tiveram no estádio de Pituaçu, na região metropolitana da capital Salvador. Foi o sexto 0 x 0 do Brasileiro 2021.

A PRIMEIRA – O Juventude conseguiu a primeira vitória e subiu para o décimo quarto lugar com o 1 x 0 sobre o Sport, no último jogo da noite deste domingo (20). O gol foi do atacante fluminense Matheus Peixoto, de 25 anos, natural de Cabo Frio, aos 38 do segundo tempo. Com a terceira derrota, o Sport caiu para o décimo quinto lugar com quatro pontos.

ATLÉTICO NO G4 – O Atlético Mineiro entrará no G4, se vencer a Chapecoense, na noite desta segunda (21), no Mineirão. Quinto, com 9 pontos, o Atlético ultrapassaria Palmeiras (10), Bragantino e Fortaleza (11) e se igualaria ao líder Athletico Paranaense, com 12 pontos e 4 vitórias. Mas, para tirar o Athletico da liderança, o campeão mineiro terá que vencer por cinco gols, de vez que seu saldo é de 2 gols (4 x 2) e o do Athletico é de seis gols (7 a 1). Cuiabá x Grêmio foi adiado.