Escolha uma Página

COM A VITÓRIA sobre o Cerro Porteño por 2 x 1, na noite de ontem (16), no Maracanã, o Fluminense garantiu o 1º lugar do Grupo A, com 11 pontos, e o direito de disputar os jogos de volta das oitavas de final da Libertadores, em que tenta o segundo título consecutivo, no Maracanã. Cerro e Colo Colo disputarão o 2º lugar.

O FLUMINENSE voltou a não fazer boa exibição, e saiu vaiado no intervalo, após ceder o empate, em falha de Alexsander, no cruzamento rasteiro de Piris da Mota para o gol de Wilder Viera, que finalizou rasteiro, no canto direito, aos 19. O Cerro chegou a virar, aos 30, mas o VAR viu o impedimento de Diego Churin ao cabecear.

O GOL DE MARCELO, que abriu o placar aos 15 minutos, foi o melhor momento do jogo, em que completou 90 jogos com a camisa tricolor. O lateral driblou Benitez com o pé esquerdo e finalizou, de dentro da área, de pé direito, no ângulo esquerdo do goleiro baiano Jean, de 28 anos, comprado do São Paulo em 2022.

O FLUMINENSE só conseguiu o gol da vitória aos 29, quatro minutos após a expulsão do zagueiro paraguaio Javier Báez, pelo 2º cartão amarelo, por falta em Cano. Depois do cruzamento do lateral Guga, Ganso cabeceou, a bola quicou na pequena área e entrou no ângulo direito, sem chance para a defesa de Jean.

COM A DERROTA, o Cerro Porteño caiu para o 3º lugar, pelo pior saldo negativo de gols (-3), e o Colo-Colo subiu para 2º, também com 5 pontos, e saldo de menos 1 gol, ao empatar esta noite (1 x 1), em Lima, com o eliminado Alianza. O Colo-Colo ficará com a 2ª vaga, se vencer o Cerro, na última rodada, dia 29, no Paraguai.

O FLUMINENSE da 3ª vitória: Fábio (c), Guga (Felipe Andrade), Antonio Carlos, Martinelli e Marcelo; Alexsander, Lima e Ganso (Renato Augusto); Arias, Cano (Kennedy) e Keno (Isaac). O Fluminense volta 4ª (22) ao Maracanã, pelo empate, para passar às oitavas da Copa do Brasil, após 2 x 0 no Sampaio Corrêa no 1º jogo.

FLUMINENSE 2 x 1 CERRO registrou R$1.498.003,20. 39.336 pagantes, sendo anunciados 42.232 presentes. O árbitro argentino Dario Herrera expulsou bem o zagueiro Javier Báez, com o segundo cartão amarelo por falta dura em Cano. O gol de Diego Churin, de cabeça, foi bem anulado por impedimento.

SÃO PAULO DECEPCIONA 50 MIL

O SÃO PAULO ficou no 0 x 0 com o Barcelona, de Guaiaquil (Equador), decepcionando 50 mil torcedores na noite de ontem (16), no Morumbi, onde decidirá em desvantagem o 1º lugar do Grupo B da Libertadores com o Talleres, de Córdoba (Argentina), dia 29.

O SÃO PAULO, 2º do grupo, tem 10 pontos e saldo de cinco gols (8 a 3). O Talleres, um dos cinco invictos da fase de grupos, tem 13 pontos e saldo de seis gols (10 a 4).

Fotos: Terra, CNN Brasil,