Escolha uma Página

COM O GOL DE CABEÇA do atacante paulistano Marquinhos, de 20 anos, emprestado pelo Arsenal de Londres, o Fluminense empatou com o Alianza (1 x 1), na estreia da Libertadores de 2024, na noite de ontem (3), no estádio Alejandro Villanueva, em Lima. O ponta Kevin Serna fez o gol do Alianza aos 35 do 1º tempo.

O FLUMINENSE SENTIU a ausência de titulares, principalmente de Cano e Keno, em recuperação, e das opções de Kennedy e Diogo Barbosa, suspensos. O time voltou melhor do intervalo, com o meia uruguaio Terans no lugar do zagueiro Tiago Santos, e ainda mais com Diego Costa e Lima, saindo Felipe Melo e Renato Augusto.

O TIME DO EMPATE: Fabio, Samuel Xavier, Tiago Santos (Terans), Felipe Melo (Diego Costa) e Marcelo (Kauã); André, Martinelli e Renato Augusto (Lima); Arias, Marquinhos e Lelê. O Fluminense faz 3ª (9) o primeiro jogo no Maracanã com o Colo-Colo, líder do Grupo A, que venceu o Cerro Porteño (1 x 0), no Paraguai.

COM O 1 x 1 COM O ALIANZA LIMA, o Fluminense completou nove jogos sem perder na Libertadores. A última derrota foi para o River por 2 x 0, na fase de grupos, na noite de 7 de junho de 2023. Desde então, cinco vitórias e o quarto empate, na noite de ontem (3), na capital peruana.

EM SUA 10ª PARTICIPAÇÃO, o Fluminense manteve a tradição de não perder na estreia da Libertadores, desde 1971, dirigido por Zagallo, quando venceu o Palmeiras no Pacaembu por 2 x 0, gols de Flávio. Desde então, em estreias, o atual campeão da Libertadores tem 70,73% de aproveitamento: 5 vitórias, 5 empates.

O FLUMINENSE terá mais três jogos como vistante em abril: dia 17 com o Bahia e dia 25 com o Corinthians pelo Brasileiro, e dia 25 com o Cerro Porteño, no Paraguai. Os três jogos como mandante, no Maracanã, serão dia 9 com o Colo-Colo, pela 2ª rodada da Libertadores; 13 com o Bragantino e 21 com o Vasco pelo Brasileiro.

O PALMEIRAS, sem sete titulares, poupados para a final de domingo (7) com o Santos, em que tentará o tricampeonato paulista, conseguiu empatar com o San Lorenzo (1 x 1), na noite de ontem (3), no estádio Nuevo Gasômetro, em Buenos Aires. O Palmeiras, atual bicampeão, é o recordista brasileiro com 24 participações.

O SAN LORENZO abriu o placar com o zagueiro colombiano Jhohan Romaña, aos 20 minutos, e o gol de empate do Palmeiras foi do lateral-esquerdo uruguaio Piquerez, aos 36 do 2º tempo, em mais uma bela cobrança de falta. O Palmeiras é o brasileiro sem derrota na estreia da Libertadores, com 15 vitórias e o 5º empate.

OS DOIS ÚLTIMOS brasileiros a estrear na Libertadores de 2024, hoje (4), são o Atlético Mineiro com o Caracas, na capital da Venezuela, e o São Paulo com o Talleres, na cidade argentina de Cordoba.

Fotos: Jogada 10 / LUCAS MERÇON/FLUMINENSE FC