Escolha uma Página

EM JOGO ATÍPICO, iniciado na noite de ontem e finalizado no início da madrugada de hoje, 4ª feira (17), na abertura da 2ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Fluminense perdeu de virada por 2 x 1 para o Bahia, único que havia perdido de virada, na rodada de abertura, pelo mesmo placar, para o Internacional.

O JOGO FOI PARALISADO aos 17 minutos, quando o Fluminense vencia com o gol de Cano, aos 3, com chute rasteiro no canto direito, devido ao alagamento do gramado da Arena Fonte Nova, em virtude da chuva forte dos últimos dias em Salvador. O reinício aconteceu uma hora depois com o campo em boas condições.

O BAHIA EMPATOU ainda no primeiro tempo, com o chute de fora da área de Caio Alexandre, no ângulo esquerdo, aos 34, no gol mais bonito da noite. O Fluminense chegou a fazer 2 x 1, mas o gol foi bem anulado por impedimento de Jhon Arias ao receber a assistência de Lima.

O GOL DA PRIMEIRA vitória do Bahia foi de Cauly, de pé esquerdo, após driblar o zagueiro Manoel, aos 16 minutos do 2º tempo. O Fluminense utilizou as cinco substituições, tirando Lima, Diogo Barbosa, Manoel, Samuel Xavier e Cano. Os que entraram, Kennedy, Douglas Costa, Alexsander, Kauã e Isaac, não fizeram efeito.

O TIME DA 1ª DERROTA no Brasileiro de 2024, após 2 x 2 com o Bragantino: Fabio, Samuel Xavier (Kauã), Manoel (Alexsander), Martinelli e Diogo Barbosa (Douglas Costa); André, Lima (Kennedy) e Ganso; Marquinhos, Cano (Isaac) e Jhon Arias. O Fluminense volta ao Maracanã para o clássico de sábado (20) com o Vasco.

O BAHIA DA 1ª VITÓRIA: Marcos Felipe, Santiago Arias, Gabriel Xavier, Victor Cuesta e Luciano Juba; Caio Alexandre (Rezende), Jean Lucas e Everton Ribeiro (Carlos de Pena); Cauly (Cicinho), Ademir (Biel) e Thaciano (Everaldo). O Bahia fará o clássico da 3ª rodada com o Vitória, domingo (21), no estádio Barradão.

BAHIA 2 x 1 FLUMINENSE registrou R$633.866,50. 22.893 pagantes. Atuação correta do árbitro paulista João Victor Gobi, de 28 anos, estreante na Série A, após apitar na Copa do Brasil dois jogos sem gol: Audax (Rio) 0 x 0 Portuguesa e Fortaleza 0 x 0 Retrô, de Camaragibe, Pernambuco.

O ÁRBITRO ACERTOU em paralisar o jogo, devido ao campo alagado, e no tempo de espera para que o jogo pudesse recomeçar. Digno de elogios o trabalho manual dos funcionários da Arena Fonte Nova para eliminar as poças d’água. Quando o jogo recomeçou nem parecia que havia chovido no estádio.

FOI O 50º CONFRONTO do Campeonato Brasileiro, com a 12ª vitória do Bahia, 15 empates e 23 vitórias do Fluminense. 26º jogo com o mando de campo do Bahia, que venceu pela 9ª vez, contra 7 vitórias do Fluminense e 10 empates.

TRÊS ÁRBITROS AFASTADOS: o paulista Flavio de Souza, pelos erros em Vasco 2 x 1 Grêmio, deixando de marcar pênalti que Lucas Piton (Vasco) cometeu com o braço; o mineiro André Luiz Bento, pelas falhas em Atlético Goianiense 1 x 2 Flamengo, e o carioca Yuri Cruz, pelos erros em Corinthians 0 x 0 Atlético Mineiro.

O OUTRO JOGO marcado para a noite de ontem (16) na Arena Pantanal, Cuiabá x Vitória, foi adiado porque o Cuiabá faz hoje (17) o jogo de ida da Copa Verde com o Vila Nova, em Goiânia.

Foto: Renan Oliveira/AGIF, Renan Oliveira/AGIF, SAN JR/UAI FOTO/ESTADÃO CONTEÚDO