COM A 6ª VITÓRIA COMO MANDANTE, 3ª sem sofrer gol, o Athletico Paranaense  tirou o Flamengo do 4º lugar por 1 ponto (34 a 33), ao vencer o São Paulo por 1 x 0, neste último domingo (31) de julho, na Arena da Baixada, em Curitiba. O gol foi do meia Vitor Bueno, aos 23 do 2º tempo, cobrando pênalti de Moreira em Canobbio.

O ATHLETICO PARANAENSE fará os dois próximos jogos como visitante, domingo (7) com o Atlético Mineiro, que o venceu por 1 x 0 na estreia, e domingo (14), com o Flamengo, de quem ganhou por 1 x 0 no turno, e com quem disputa vaga na semifinal da Copa do Brasil (0 x 0 na ida; dia 17, na volta, em Curitiba).

O SÃO PAULO POUPOU OS TITULARES para o jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana com o Ceará, 4ª feira (3), no Morumbi, e promoveu a estreia do goleiro paulistano Felipe Alves, emprestado pelo Fortaleza. Antes de sofrer o gol, ele fez pênalti em Vitor Roque, mas se redimiu, defendendo a cobrança de Tiago Heleno.

O ATHLETICO PARANAENSE também não utilizou titulares, poupados para o jogo da próxima 5ª feira (4), com o Estudiantes de La Plata, Argentina. O técnico Luiz Felipe Scolari escalou Bento, Khellven, Mateus Felipe, Tiago Heleno e Abner (Pedrinho); Fernandinho, Erick e Vitor Bueno (Cittadini); Canobbio (Cirino), Cuelo (Vitinho) e Vitor Roque (Rômulo).

NO CENTÉSIMO JOGO do técnico Rogerio Ceni, o São Paulo voltou a perder, após quatro empates consecutivos, e o técnico lamentou os muitos erros da equipe, em 10º com 26 pontos, igual ao Santos, 9º, que tem mais uma vitória (6 a 5) e ainda joga nesta 2ª feira (1). Em 100 jogos, Ceni ganhou 44, empatou 32 e perdeu o 24º.

                                   BRAGANTINO VENCE LANTERNA

COM O GOL DO MEIA HELINHO, aos 28 minutos do 1º tempo, o Bragantino venceu o Juventude, mas merecia mais do que 1 x 0 no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. Com a 8ª vitória, o time do técnico paulistano Mauricio Barbieri terminou a 22ª rodada em 8º com 30 pontos. Com a 10ª derrota, o Juventude é 20º com 16.

Foto: UOL