Escolha uma Página

O ATHLETICO PARANAENSE venceu o Internacional por 2 x 1, na noite desta 5ª feira (21), na Arena da Baixada, em Curitiba, subiu para o 6º lugar e fez o Flamengo terminar a 24ª rodada em 7º. Empatados em pontos (40), vitórias (11), derrotas (6), empates (7), o Athletico leva vantagem sobre o Flamengo no saldo de gols (10 a 6), com 37 narcados e 27 sofridos, enquanto o Flamengo marcou 36 e sofreu 30.

O ATHLETICO abriu o placar aos 24 minutos, com o gol do meia mineiro Erick, e o Internacional empatou aos 36, com o gol do meia uruguaio Carlos De Pena, aproveitando o erro do veterano meia Fernandinho na saída de bola. O gol da vitória do Furacão foi do meia-atacante paulista Alex Santana, de cabeça, após cruzamento do ponta uruguaio Agustin Canobbio, aos 45 minutos do 2º tempo, que teve nove minutos de acréscimos.

O TÉCNICO ARGENTINO Eduardo Coudet justificou só ter escalado o Internacional com dois titulares, com receio de problema de contusão no gramado sintético, além da preocupação com o desgaste para o primeiro jogo das semifinais da Libertadores com o Fluminense, na próxima 4ª feira (27), no Maracanã.

ÚNICO TIME com técnico interino, o baiano Wesley Carvalho, o Athletico jogou completo: Leo Linck, Esquivel, Tiago Heleno, Cacá e Madson (Bruno Peres); Erick, Fernandinho (Alex Santana) e Zapelli (Cuello); Vitor Bueno, Vitor Roque (Pablo) e Agustin Canobbio.

VICE-ARTILHEIRO do Campeonato Brasileiro de 2023, com 11 gols, menos dois que Tiquinho Soares, do Botafogo, o atacante mineiro Vitor Roque, de 18 anos, já negociado com o Barcelona, foi duramente atingido no tornozelo direito por um carrinho do zagueiro colombiano Nicolás Hernandez, do Internacional, logo aos 10 minutos e teve que sair de maca. O zagueiro passou a ser vaiado a cada toque na bola. Não há prazo para a recuperação do atacante.

Fotos: Eurasia Sport Images/GettyImages e Geraldo Bubniak/AGB/Gazeta Press