O Goiás perdeu o jogo de ida para o Sol de América (1 x 0) na noite de ontem (11), em Assunção, mas pode se classificar no jogo de volta, dia 25, no Estádio Olímpico de Goiânia, se vencer por dois gols. Se devolver o 1 x 0, decide nos pênaltis a vaga para a segunda fase da Copa Sul-Americana. O time paraguaio se classifica com 0 x 0 ou mesmo perdendo por um gol, desde que faça gol. O técnico Ney Franco reconheceu que a atuação não foi boa.

GOL DECISIVO – Foi do atacante paraguaio Nildo Viera, de 26 anos, 1,82m, o gol que decidiu o jogo, assistido por seis mil torcedores, metade da capacidade do estádio Luis Alfonso Giagni, no município de Villa Elisa, nos arredores da Grande Assunção, onde a Petropar, refinaria de Petróleos Paraguaios, produz 7.500 barris/dia. Nildo Viera marcou aos 32 do primeiro tempo, depois de rebote do goleiro Tadeu, após falta e cabeçada forte do zagueiro Bruno Valdez.

POUCO MELHOR – O Goiás não fez bom primeiro tempo e melhorou pouco na volta do intervalo. O experiente Rafael Moura obrigou o goleiro paraguaio Victor Centurion à única defesa difícil. Dentro do previsto pelo técnico Ney Franco, o Sol de Almeida recuou muito, esperando espaço para os contra-ataques. No minuto final, o meia argentino Matias Franco quase fez o segundo gol em cobrança de falta.

EXPULSÃO – O Goiás terminou com 10 pela expulsão do zagueiro Fabio Sanches, aos 49 do segundo tempo, ao puxar pela camisa o meia argentino Federico Jourdan, que ia entrando livre na área. O árbitro Kevin Ortega, da Federação Peruana, advertiu seis jogadores do Sol de América com cartão amarelo. O único punido do Goiás foi o zagueiro Fabio Sanches, que recebeu o vermelho direto.

GOIÁS – Tadeu, Pintado, Luis Gustavo, Fabio Sanches e Jefferson; Gilberto, Daniel Bessa e Thalles (Lucão); Marcinho (Keko), Rafael Moura (Vinícius) e Victor Andrade. Técnico – Ney Franco. Domingo (16), com torcida única do Atlético Goianiense, líder do Grupo A com 9 pontos, o clássico da décima segunda rodada do campeonato, no Estádio Olímpico com o Goiás, com 9 pontos, segundo do Grupo B liderado com 15 pontos pelo Jaraguá EC, da cidade de Jaraguá, a 125 km da capital Goiânia.