Escolha uma Página

MUITO ALÉM DE TER SIDO O MAIS RÁPIDO DO ATUAL CAMPEONATO, o gol que  Daniel Maldini marcou aos três minutos, entra para a história, por ser o meia de 19 anos, neto de Cesare e Paolo, lendas do Milan. Cesare foi zagueiro quatro vezes campeão italiano e campeão europeu, que vi em uma das noites mais chuvosas no Maracanã, decidir o Mundial de clubes com o Santos (1 x 0, gol de pênalti do lateral Dalmo), diante de 120.441 pagantes, em 16 de novembro de 63.

PAOLO MALDINI, hoje aos 53 anos, diretor técnico desde 2019, iniciou na base aos 10 anos, e só vestiu a camisa do Milan, primeiro italiano a ganhar a Liga dos Campeões. Em 31 anos de carreira, 902 jogos, 33 gols, 26 títulos, 7 de campeão italiano, 5 da Liga dos Campeões, e o recorde de 5 Supercopas da Itália. Estreou na seleção aos 19 anos, disputou quatro Copas do Mundo, foi vice-campeão e da seleção dos melhores de 94, na final com o Brasil.

DANIEL MALDINI, aos 19 anos, só iniciou o jogo deste sábado (24) com o Spezia, no estádio Alberto Picco, em La Spezia, porque o técnico Stefano Pioli poupou a maioria dos titulares para o jogo da próxima terça (28), em San Siro, com o Atlético de Madrid, pela Liga dos Campeões. Daniel fez 1 x 0, de cabeça, aos 3 do segundo tempo. O meia Daniele Verde empatou aos 35, e o meia espanhol Brahim Diaz marcou o da vitória aos 41. O Milan lidera com 16 pontos.

DOIS EMPATES – Nos outros jogos deste sábado (24), dois empates: no estádio Giuseppe Meazza, em Milão, Inter 2 x 2 Atalanta. O argentino Lautaro Martinez fez 1 x 0; o ucraniano Ruslan Malinovsky empatou e o brasileiro Rafael Toloi virou para a Atalanta. O bósnio Edin Dzeko livrou a Inter, atual campeã, da primeira derrota. No estádio Luigi Ferraris, na cidade portuária de Gênova, o empate em 3 x 3 foi justo para a atuação equilibrada do Genoa e do Verona.

NEYMAR – Com boa atuação, mesmo sem fazer gol, Neymar foi um dos destaques da oitava vitória em oito rodadas do PSG, líder do Campeonato Francês, neste sábado (24), no Parque dos Principes, em Paris. O volante senegalês Idrissa Gueye fez o primeiro gol, e com assistência de Neymar, o meia alemão Julian Draxler completou os 2 x 0 no Montpellier. O estádio estará lotado terça (28), quando o PSG jogará com o Manchester City pela Liga dos Campeões.

BENFICA 100% – Um dia depois de o Porto vencer o Gil Vicente por 3 x 1 e o atual campeão Sporting ganhar de 1 x 0 do Marítimo, o Benfica manteve a liderança com 18 pontos em 6 jogos, impondo-se fora de casa ao Vitória de Guimarães por 3 x 1, dois gols do ucraniano Yaremchuk e um gol de João Máximo. O paulista Bruno Duarte descontou, convertendo pênalti de Lucas Veríssimo. Quarta (29) o Benfica joga em seu estádio da Luz com o Barcelona pela Liga dos Campeões.

VINÍCIUS JUNIOR – Exaltado nos últimos jogos, Vinícius Junior teve atuação apagada e ainda foi advertido com cartão amarelo, por reclamação, no 0 x 0 do Real Madrid, em casa, com o Villarreal. Não só ele, mas o ex-santista Rodrygo e o artilheiro francês Benzema nada fizeram. Homenageada com o pontapé inicial do jogo, Suzana Rodriguez, campeã paralímpica de triatlo, perdeu o sapato ao dar o chute, o que provocou muita descontração nos jogadores. Aplaudida.

GABRIEL JESUS – Foi dele o único gol deste sábado (24), no Stamford Bridge, em Londres, onde o Manchester City venceu o Chelsea pela sexta rodada da Premier League e manteve a liderança. O zagueiro Tiago Silva evitou o segundo gol de Gabriel Jesus, titular do início ao fim. Pela Liga dos Campeões, terça (28) o City visita o PSG, no Parque dos Principes, em Paris, e quarta (29) o Chelsea vai a Turim jogar com a Juventus.

BRASILEIRO – Medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio, o meia paulista Gabriel Martinelli, de 20 anos, do Arsenal de Londres, é o único brasileiro entre os 40 concorrentes ao prêmio Golden Boy 2021. O vencedor será anunciado dia 15 de outubro. Só dois brasileiros ganharam o prêmio: Anderson, meia do Manchester United, em 2008, e Alexandre Pato, meia do Milan, em 2009. O vencedor de 2020 foi o artilheiro Erling Haaland, do Borussia Dortmund.

Fotos: AFP / Twitter