O Grêmio é só otimismo para o jogo da noite de hoje (20) com o Atlético Mineiro, na Arena Grêmio, na expectativa de subir duas posições e terminar a rodada em quarto lugar com 53 pontos, ultrapassando Palmeiras (51) e Flamengo (52), e chegando ao Grenal do próximo domingo (24) em condições de se igualar em pontos (56) ao arquirrival. O Grêmio quer devolver os 3 x 1 do jogo do turno que perdeu no Mineirão para o Atlético.

SEM VIAGEM – Uma das vantagens para alcançar bons resultados é que o time não viajará para os próximos três jogos, hoje (20) com o Atlético, domingo (24) com o Internacional e quinta (28) com o Flamengo. O último dos confrontos diretos, com o São Paulo, será em fevereiro, quando o time também estará disputando as finais da Copa do Brasil com o Palmeiras e tentando se igualar ao Cruzeiro com seis conquistas do segundo mais importante torneio de clubes do país.

MUITO MAL – Terceiro com 53 pontos em 29 jogos – 16 vitórias, 8 derrotas, 5 empates, saldo de 14 gols (51 x 37) -, o Atlético não faz boa campanha como visitante, em que só conseguiu cinco vitórias e sofreu sete derrotas, a última para o São Paulo por 3 x 0 no Morumbi. O Grêmio só perdeu 1 dos 14 jogos em casa – 2 x 1 para o Sport, no turno – e venceu todos os quatro jogos do returno. É o que mais empatou (14), mas o que menos perdeu (3).

JOGO 58 – Dos 72 jogos que disputaram, 57 foram pelo Campeonato Brasileiro, com 23 vitórias do Grêmio, 19 do Atlético e 15 empates. Numa prévia do Grenal do próximo domingo (24), que será o décimo oitavo da história da Arena Beira Rio, o Grêmio leva ampla vantagem sobre o Internacional, que mesmo em casa só venceu uma vez e sofreu seis derrotas, além de dez empates. Também no Brasileiro, a vantagem é do Grêmio, com 23 vitórias, 19 do Internacional e 17 empates.

VENDIDO – O Grêmio inicia com Vanderlei, Victor Ferraz, Rodrigues, Kannemann e Diogo Barbosa; Lucas Silva, Maicon, Alisson e Jean Pyerre; Diego Souza e Pepê, que em junho se apresentará ao FC Porto, comprado por 15 milhões de euros. O Grêmio ficará com 10.500 mil e o Foz do Iguaçu, clube formador, com 4.500 mil. Pepê disputará as finais da Copa do Brasil com o Palmeiras e se mostra muito feliz porque vai realizar o desejo antigo de jogar na Europa.

MANTIDO – O técnico argentino Jorge Sampaoli vai manter a escalação que iniciou a vitória (3 x 1) no Atlético Goianiense, no último domingo (17), no Mineirão: Everson, Guga, Rever, Jr.Alonso e Arana; Alan, Hyoran e Allan Franco; Savarino, Keno e Eduardo Vargas. Campeão brasileiro pela única vez em 1971, o Atlético quer garantir a vaga na Libertadores 2021 e ganhar o prêmio de R$33 milhões ao campeão de 2020, ou pelo menos o de R$31.300 ao vice-campeão.

O GRÊMIO acertou a renovação do contrato do zagueiro Geromel até dezembro de 2022 e está finalizando a negociação para a permanência do técnico Renato Portaluppi. O atacante colombiano Rafael Borré, de 25 anos, artilheiro do River Plate, não quer continuar no clube argentino e pode ser uma das primeiras contratações do Grêmio para 2021. Grêmio x Atlético terá arbitragem de Raphael Claus, da Federação Paulista e da FIFA.

Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio