Escolha uma Página

Um dia depois de ter sofrido fratura da tíbia direita, aos 41 minutos do primeiro tempo, por falta dura, por trás, do zagueiro Qin Sheng, capitão do Dalian Yifang, o atacante Henrique Dourado, de 29 anos, foi bem-sucedido na cirurgia que durou duas horas. Os médicos chineses colocaram duas hastes para a correção da fratura e decidiram por sua permanência durante uma semana no hospital.

Segundo os ortopedistas informaram, o ex-jogador do Flamengo, vendido por R$22 milhões ao Henan Jianye, deverá voltar a jogar no final de maio. Foi o primeiro problema grave que Henrique Dourado teve na carreira, iniciada como profissional em 2013 no Santos. Na estreia no time chinês, ele fez o gol do empate (1 x 1).